Menu
Busca sábado, 27 de fevereiro de 2021
(67) 99820-0742

Para ir às alturas, empresas de aviação vendem serviço de motel nas nuvens

18 junho 2019 - 09h30Por MidiaMais

O fetiche de fazer sexo dentro de um avião ronda o imaginário de pessoas do mundo todo. Pensando nisso, companhias aéreas estão começando a permitir que os passageiros pratiquem esse tipo de ato em pleno voo.

Os valores variam de US$ 380 (R$ 1,5 mil) até US$ 1,3 mil (R$ 5 mil) por voos exclusivos em aviões particulares de pequeno porte. De acordo com a revista PEGN, durante as rotas, que duram de 40 minutos a 1h30, o amor está liberado.

Uma das aeronaves, compradas por uma companhia das Bahamas para oferecer o serviço, tem 8 metros de comprimento com cama, lençóis vermelhos de cetim e colchão de espuma. Os pilotos usam fone de ouvido para garantirem a privacidade dos passageiros. Além disso, uma cortina também separa o casal da tripulação.

Ainda conforme a revista, outra empresa, fundada em Las Vegas, já fretou as aeronaves a clientes da China, Austrália e de toda a Europa. A companhia oferece refeições de primeira classe antes dos passageiros “irem às alturas”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Diretor de Emergências da ONU diz que Brasil deve sofrer '4ª onda' da covid-19
Motorista atropela pedinte no Guanandi II
Moradora tem prejuízo de R$ 3,7 mil após bandido invadir casa pelo forro
Nota MS Premiada sorteia R$ 300 mil neste sábado
Mulher some com festa inteira e rouba até pula-pula em Campo Grande
Homem briga com desconhecidos e acaba baleado em Ladário
Idoso é colocado em porta-malas e amarrado em poste por ladrões em Campo Grande
Cara de pau: ladrão rouba moto, mas abandona veículo por falta de gasolina
Malandragem no ar: casal que levava vida luxo é preso por sequestro de mulher
MS registra mais 23 óbitos e 914 infectados pela covid-19