Menu
Busca quinta, 03 de dezembro de 2020
(67) 99820-0742

Com números positivos, turismo de Corumbá já em clima de alta temporada

18 agosto 2016 - 14h18

O percentual é positivo. Os números apontam um excelente número de turistas, sobretudo estrangeiros que estiveram no Pantanal de Corumbá já no primeiro mês de alta temporada.  É o Pantanal Sul na mira dos turistas e também do Observatório de Turismo, núcleo de pesquisas que integra uma das gerências da Fundação de Turismo da Prefeitura. 

O boletim foi divulgado na semana passada e já está disponível no site oficial do Turismo de Corumbá, (www.corumba.travel), veículo que também reúne as principais informações sobre o setor desde da implantação Fundação de Turismo do Pantanal, em 2013.

De acordo com as informações do Observatório, a cidade recebeu em julho, primeiro mês da alta temporada, o total de 17.485 turistas. Destes visitantes, cerca de 30% optaram por se hospedar nos Polos Turísticos Rurais de Porto Morrinho, Albuquerque e Estrada Parque Pantanal, local preferido dos ecoturistas e de muitos pescadores esportivos.

“Estamos no período que consideramos de alta temporada dos ecoturistas internacionais, pescadores esportivos e da melhor idade. Nesta época, de julho a setembro, recebemos fortemente a demanda internacional, e este ano mais aquecida devido à realização das Olimpíadas e Paraolimpíadas no País”, observou a diretora-presidente da Fundação de Turismo, Hélènemarie Dias Fernandes.

“Abrimos o segundo semestre com expectativas positivas já que de julho a outubro, o segmento de pesca esportiva entra na altíssima temporada, se juntando a grande demanda de turistas da melhor idade, que começaram a entrar em maio até meados de setembro, período em que as temperaturas são mais baixas na região”, explicou.

Demanda Internacional

Segundo o boletim foram identificadas apenas no mês de julho, 23 nacionalidades. O campeão do ranking são os Holandeses representando 20% dos turistas. Entre os outros países emissores de maior percentual estão: França, Alemanha, Suíça e Inglaterra.  A América do Sul e Central também ocupam seu lugar apontando a Argentina, Bolívia, Paraguai e México, que somadas correspondem a 5,8%.

Sobre qual a fonte de informação dos turistas que visitaram o destino pela primeira vez, 86,1%, a internet foi o principal meio utilizado, apontado por 29,2%, seguidos dos que vieram pela indicação de amigos e parentes, 26,3%. Questionados sobre qual o destino anterior e posterior à Corumbá, a cidade de Bonito lidera ambos os ranking’s, 20,4% e 26,9% respectivamente.

Sobre as expectativas atendidas e a pretensão de retorno desses turistas ao Pantanal Sul, os números são animadores: 54,7% pretendem visitar Corumbá novamente e 85,4% disseram que suas expectativas foram atendidas.  Já 89,8% além de visitar o destino novamente, recomendariam Corumbá.

Credibilidade e informação

O boletim elaborado pelo núcleo de estudos e pesquisas da Fundtur/ Pantanal traça o perfil dos turistas e reúne uma relação completa de informações que se baseiam na coleta de dados e tomada de decisões assertivas sobre o setor.  “Sem ele não seria possível acertar na tomada de decisões”, relembra a diretora-presidente.

Além de ser premiada no ano passado como uma das melhores práticas do Turismo Nacional, em julho desse ano, o Ministério do Turismo incluiu o núcleo como um dos oito Observatórios de Turismo de municípios turísticos brasileiros que colaboram com o monitoramento da atividade no Brasil.

 

Fonte: PMC

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fátima Bernardes revela que está com câncer no útero
Humorista Rodela morre de covid-19 aos 66 anos em SP
Ninguém acerta a Mega-Sena e prêmio acumula em R$ 11 milhões
Comerciante é baleada após dupla de moto tentar matar desafeto no Buriti
No combate à sonegação fiscal, Nota MS Premida distribui R$ 3 milhões em prêmios
Sejusp investe mais de R$ 184 mil na compra de etilômetros para municípios do interior
Detran-MS alerta para retomada de prazos que estavam suspensos por conta da pandemia
Instabilidades ganham força e pode chover forte em Mato Grosso do Sul
Começa Flip2020, pela primeira vez em formato virtual
Em janeiro, UFMS voltará a ter aulas presenciais