Menu
Busca terça, 02 de março de 2021
(67) 99820-0742

Bonito e região terão Zoneamento Econômico e Ecológico, anuncia presidente da Assembléia

29 maio 2019 - 10h00Por Portal da Educativa

Serão mais de 200 quilômetros de comprimento, por 100 metros de largura, onde serão determinados a maneira correta de uso e conversação do solo, tanto por produtores quanto para atrativos turísticos, visando a proteção dos rios e qualidade das águas na Serra da Bodoquena. Essa é a proposta apresentada pelo presidente da Casa de Leis, deputado Paulo Correa, ao mencionar a necessidade de uma Zoneamento Econômico Ecológico na Serra da Bodoquena. Segundo ele, a ideia é que as intervenções feitas nesses locais tenham ‘um regramento’, baseado em estudos detalhados, para que não ocorram danos ambientais catastróficos. A proposta foi apresentada durante sessão desta terça-feira (28) e contou com apoio dos parlamentares.

“São necessários estudos ambientais para quem possam definir uma coisa que está ficando insolúvel, até que ponto pode ir produtor rural e até que ponto pode ir atrativo turístico. Não só em Bonito. Quem pensa em Bodoquena, é água cristalina também. Quem pensa em Porto Murtinho, que tem lá a cachoeira da Aquidaban, é água cristalina também. O Rio Perdido, que desaparece por mais de 1 quilometro e reaparece numa ressurgência de água totalmente cristalina, entra sujo e saio limpo”, detalha o deputado, ao acrescentar que a Assembleia está fazendo uma indicação para um estudo aprofundado.

O requerimento deve ser encaminhando ao governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), com cópias ao secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, e ao desembargador Alexandre Bastos, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS). “O desembargador Alexandre Bastos tomou para si todas as ações de meio ambiente propostas em Bonito. A Casa de Leis enquanto amicus curae está então pleiteando providências para realização do Zoneamento Econômico e Ecológico da Serra da Bodoquena com o objetivo de proteger a região onde está o melhor destino de turismo sustentável do mundo. A Casa de Leis cumpre então sua função de legislar em benefício da preservação do meio ambiente estadual”, ressaltou.

Para o guia de turismo Kiko Azevedo, também representante do grupo Unidos Conservamos, formados por guias, empresários do trade turístico, ambientalistas e sociedade civil, a inciativa pode trazer diretrizes mais claras para o uso sustentável dos recursos naturais. “Olhar nosso ambiente de perto, considerando as particularidades cársticas da região para a definição do uso produtivo da terra, é a base para a sustentabilidade da região da Serra da Bodoquena. Agora nos resta acompanhar de perto todo o processo e garantir a participação de toda a sociedade, sempre visando a conservação da nossa região”, afirmou.

Conforme o Ministério do Meio Ambiente, o zoneamento ecológico-econômico (ZEE), instrumento da Política Nacional do Meio Ambiente regulamentado pelo decreto nº 4.297/2002, tem sido utilizado pelo poder público com projetos realizados em diversas escalas de trabalho e em frações do território nacional. Municípios, estados da federação e órgãos federais têm executado ZEEs e avançado na conexão entre os produtos gerados e os instrumentos de políticas públicas, com o objetivo de efetivar ações de planejamento ambiental territorial.

Em linhas gerais, o ZEE tem como objetivo viabilizar o desenvolvimento sustentável a partir da compatibilização do desenvolvimento socioeconômico com a proteção ambiental.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bebê morre duas semanas após testar positivo para a Covid-19
Rosa Weber determina que governo federal reative leitos de UTI para Covid-19 em três estados
Segunda-feira será quente, com pancadas de chuva
Ciúmes é motivo de briga entre vizinhas que acaba com uma ferida na Vila Aimoré
Operação acaba com rave no meio da pandemia em Campo Grande
Rapaz agride jardineiro com cutelo
Drogado surta, quebra móveis e ameaça bater na mulher
Motorista é perseguido por 7 motociclistas no centro de Campo Grande
Salário de servidores estaduais estará disponível para saque nesta terça-feira
Pai é preso suspeito de engravidar filha de 14 anos em Dourados