Menu
Busca segunda, 25 de janeiro de 2021
(67) 99820-0742
maticula

Droga anticâncer pode facilitar combate à Aids

03 agosto 2015 - 13h30

O vírus do HIV pode sair dos seus 'esconderijos' no corpo com o uso de um remédio anticâncer, segundo pesquisadores.

O principal tratamento contra a Aids hoje em dia, a terapia antirretroviral, mata o vírus no sistema sanguíneo, mas deixa esses 'reservatórios' onde o HIV se esconde intacto.

Um estudo divulgado na publicação científica indica que uma droga anticâncer é "altamente potente" na reativação do HIV 'oculto'.

Especialistas disseram que as descobertas foram interessantes, mas ainda é importante saber se é seguro usar a droga em pacientes.

'Chutar e matar'

Uma estratégia conhecida como 'chutar e matar' é considerada 'chave' para a cura do HIV – o chute seria 'acordar' o HIV dormente para que o remédio entre em ação e mate o vírus.

A equipe na Escola de Medicina da Universidade da Califórnia, em Davis, pesquisou o PEP005 – um dos ingredientes no tratamento para prevenir câncer - em uma pele que sofreu danos pelo sol.

Eles testaram a droga em células criadas em laboratório e em partes do sistema imunológico tiradas de 13 pessoas com HIV.

A conclusão foi de que o "PEP005 é altamente potente na reativação do HIV latente" e que o ingrediente representa "um novo grupo de composições importantes para combater o HIV".

Um dos pesquisadores, o professor Satya Dandekar, considerou a descoberta um grande avanço.

"Estamos bastante empolgados com o fato de termos identificado um candidato acima de todos os padrões para a reativação e erradicação do HIV que já é aprovado e até utilizado por pacientes. Essa molécula tem um grande potencial de avanço em estudos clínicos tradicionais."

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil registra 592 novas mortes por Covid-19 e total atinge 217.037
Motorista perde controle da direção, capota carro e cai em valeta na MS-134
Homem leva tiro na perna e autor é preso no telhado de casa no Buriti
Olha emprego aí: Funtrab oferta 2,6 mil vagas neste início de semana
Previsão aponta pancadas de chuvas isoladas nesta segunda-feira em MS
Homem é encontrado ferido com várias facadas pelo corpo em Dourados
Doses da vacina de Oxford começaram a ser distribuída pela madrugada em MS
Mais de 50 mil candidatos faltam ao segundo dia de prova do Enem em MS
Vítima de feminicídio, Eliane fazia sucesso no TikTok com mais de 50 mil seguidores
Bolsonaro aprova novo presidente do TJMS: ‘pondo fim à esquizofrenia e palhaçada midiática fúnebre’