Menu
Busca quarta, 27 de janeiro de 2021
(67) 99820-0742
matricula 2

Ex-Governador de Mato Grosso do Sul é condenado por improbidade administrativa

16 agosto 2016 - 14h48

A 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos acolheu e reconheceu a prática de improbidade administrativa que foi pedida pelo Ministério Público de Mato Grosso do Sul, por meio da 30ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social, em face de José Orcírio Miranda dos Santos, Ronaldo de Souza Franco, José Elias Moreira e Etsuo Hirakawa.

Na Ação Civil Pública, o Magistrado Marcelo Ivo de Oliveira impôs multa civil em desfavor dos requeridos no equivalente a duas vezes o valor de suas últimas remunerações mensais à época (dezembro de 2006), revertidas ao Fundo de Defesa Reparação de Interesses Difusos Lesados, além da suspensão dos direitos políticos dos requeridos pelo prazo de 03 (três) anos, e também a proibição em contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário pelo prazo de 03 (três) anos. 

 

Fonte: ASSECOM MPMS 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Funcionários de frigorífico são levados para hospital após vazamento de amônia
TCU conclui ser ilegal usar dinheiro do SUS para compra de cloroquina
Mesmo com pandemia, MS bate média recorde com 21 novas empresas abertas por dia
Quarta-feira de ar quente e úmido e previsão de pancadas de chuva
Trio é flagrado com maconha e acaba preso por tráfico no Aero Rancho
Passageiro é flagrado com malas recheadas com dólares e acaba preso em Campo Grande
Idosa de 117 anos é vacinada contra covid no Ceará
MS estuda cancelar ponto facultativo de Carnaval para evitar avanço da Covid
Período de inscrições para cursos do Pronatec segue aberto até 31 de janeiro
Com mineradoras, prefeito discute segurança do tráfego na rodovia BR-262