Menu
Busca sábado, 23 de janeiro de 2021
(67) 99820-0742

Foragido desde 2013, Polícia da Bolívia entrega ao Brasil homem acusado de homicídio

24 agosto 2016 - 16h00

Lourival Fernandes, de 46 anos, que estava foragido da justiça brasileira, desde 2013, acusado pelo crime de homicídio, na cidade de Ladário, foi entregue na manhã desta quarta-feira, 24 de agosto, pela Polícia Boliviana, após ter sido capturado em território daquele país. O caso aconteceu na região de fronteira, e contou com a participação de policiais do 6° Batalhão da Polícia Militar e da Polícia Nacional da Bolívia.

Conforme as informações, o homem foi capturado durante uma blitz rotineira da polícia boliviana, na cidade de Puerto Quijarro, quando ao abordar o mesmo, os militares desconfiaram, já que ele apresentou documentação falsificada tanto dele quanto do veículo.

“Foi apreendido o veículo e o acusado. Logo em seguida entramos em contato com a polícia do país vizinho, onde fomos informados de que se tratava de um foragido da justiça, pelo crime de homicídio. A partir de então começamos os tramites de expulsão deste cidadão”, declarou o Coronel Boliviano da DESP Hugo Justiniano Añez.

Para o Coronel Cesar Freitas Duarte, Comandante do 6° Batalhão da Polícia Militar, ele elogiou o trabalho das duas policias e disse que ações como essas só ajudam a diminuir a criminalidade que existe na fronteira entre os dois países. “Essas ações mostram que estamos não apenas fiscalizando, mas também trabalhando em conjunto para diminuir crimes como esses, ou até mesmo contrabando”, informou.

Antes de ser entregue às autoridades brasileiras, Lourival passou pelo setor de imigração da Bolívia, onde ficou constatada a expulsão dele do país vizinho.

 

Fonte: Leonardo Cabral (colaboração) 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Professor acusado de abusar de afilhada e irmã é preso em Aquidauana
Com presença de Pazuello, avião com 2 milhões de doses de vacina pousa em Guarulhos
Sobrevivente de chacina em 2017 é executado a tiros em Pedro Juan
Projeto de MS cria 'licença 1ª infância' para mães cuidarem dos filhos até 3 anos
Tempo quente e possibilidade de chuva marcam o sabadão em MS
Mulher descobre vídeo íntimo da filha no celular do marido e atira nele
Motoentregador morre após bater em caminhão
‘Fica calmo, cadê a chave do carro?’, diz bandido ao roubar veículo em Campo Grande
Mulher perde mais de R$ 3 mil em golpe do whatsapp clonado
Japão nega que Olimpíada deste ano será cancelada