Menu
Busca quinta, 25 de fevereiro de 2021
(67) 99820-0742

Pecuaristas de Corumbá enfrentam dificuldades no transporte dos animais

03 junho 2019 - 12h00Por Da Redação

Corumbá tem o maior rebanho do estado e o segundo maior do Brasil, com 1,8 milhão de cabeças de gado, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Para embarcar e desembarcar os animais os pecuaristas estão utilizando de maneira improvisada a Prainha Vermelha, no Porto Geral.

Isso ocorre porque o tradicional embarcador do município está fechado por ordem judicial. Em 2015, o Sindicato dos Produtores Rurais, que gerenciava o local, recebeu uma notificação da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), por ocupação irregular e falta de contrato legal. Além disso, foi aplicado uma multa no valor de R$ 1 milhão. O sindicato recorreu à Justiça e conseguiu retirar a multa, mas está proibido de operar no embarcador desde de setembro de 2018.

Por meio de nota, a Antaq informou que não faltaram esforços da agência no sentido de se reunir com os interessados e encontrar uma solução para que não houvesse a proibição operacional.

 
Pecuária no Pantanal  — Foto: André Dib/WWFPecuária no Pantanal  — Foto: André Dib/WWF

Pecuária no Pantanal — Foto: André Dib/WWF

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corumbá conta com novo método de prevenção à infecção pelo HIV
Bradesco atendeu 227 servidores no primeiro dia agendamento para abertura de contas
Prefeitura promove campanha “A alegria da pesca voltou a Corumbá”
Comissão Intergestores Bipartite da assistência social realiza primeira reunião do ano nesta quinta-feira
Turistas estrangeiros avaliam gastronomia sul-mato-grossense como a melhor do Brasil
MS terá conselho municipal de saúde animal visando evolução do status sanitário da Aftosa
Governo já investiu R$ 4,6 bilhões em infraestrutura desde 2015 e segue com agenda de obras até o final de 2022
Mais de 1,2 mil privados de liberdade realizam o Enem Prisional nesta semana em MS
Sede do Detran-MS passará por reforma a partir desta terça-feira
Sedhast lança Resolução de programa que concede benefício social para acadêmico indígena