Menu
Busca terça, 21 de janeiro de 2020
(67) 99820-0742
Governo Dengue

Ágata 11: Sem documentação carga avaliada em R$ 10 milhões é apreendida no Rio Paraguai

22 junho 2016 - 17h29

Foram apreendidas na manhã desta quarta-feira, 22 de junho, oito mil toneladas de farelo de soja, que estavam sendo transportadas no Rio Paraguai, nas proximidades da Cinco Bacia, sem documentação fiscal. A apreensão que reuniu a Polícia Federal, Receita Federal e Marinha do Brasil, faz parte da Operação Ágata 11, deflagrada no início deste mês nas regiões de fronteira.

De acordo com as informações repassadas ao Corumbá Agora, a carga, que estava dividida em seis barcaças autuadas pelo 6° Distrito Naval, é procedente da Bolívia e estava avaliada em aproximadamente R$ 10 milhões, tendo como destino a Colômbia.  

Para o Agente da Receita Federal da equipe de Vigilância e Apreensão Aduaneira Fabio Lemos Teixeira, a retenção trata-se de um trânsito internacional de mercadoria, onde apesar de estar em águas internacionais o produto está sujeita a fiscalização devido a Ágata 11.

“Foram feitos os procedimentos de fiscalização na embarcação e no ato da fiscalização não foi apresentado à documentação que comprove o manifesto da carga nem a declaração de transporte que são documentos comprobatórios da carga em si, o que significa, manifesto sem documento equivalente e outras declarações que está previsto no Decreto 6.759/2009. Por isso houve a apreensão”, explicou Fabio.

Toda a carga será determinada como fiel depositário à transportadora e passará por uma análise detalhada da retenção para verificação da mercadoria e do seu destino final.  

Fonte: Leonardo Cabral (colaboração) 

 

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

TECNODENTAL
Set 2

Leia Também

Homem é preso após agredir ex e amiga que cuidava do filho
Traficante diz que maquininha de cartão foi pedido da clientela
Números atualizados acrescentam mais de mil acidentes ao balanço apresentado pelo Detran
Justiça Eleitoral convoca 3,4 mil eleitores para biometria em cidade de MS
Mãe é agredida pela própria filha com socos e chutes
Maus-tratos: Gatos são encontrados decapitados e mutilados em MS
Menina de 4 anos picada por escorpião segue internada em estado estável
Em nova decisão, TCE libera reajuste e tarifa de ônibus volta para R$ 4,10
Laudo preliminar sobre morte de veterinária confirma cocaína em quarto
Carro para na calçada após ser atingido por picape que invadiu a preferencial