Menu
Busca sexta, 14 de agosto de 2020
(67) 99820-0742
Set

Acordo permite que a polícia de MS continue perseguições em países vizinhos

08 novembro 2019 - 15h45Por MidiaMax

O Ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro firmou nesta quinta-feira (07) acordo com países do Mercosul que vai facilitar o combate ao crime na fronteira. A proposta permite que, em caso de perseguição, policiais brasileiros poderão atravessar a linha internacional e continuar as buscas no país vizinho por até um quilômetro, sem a necessidade de autorização.

O secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Antônio Carlos Videira, afirmou que as polícias de Mato Grosso do Sul mantêm estreita relação com autoridades dos países vizinhos, a exemplo de Bolívia e Paraguai.

“Quando se faz necessário o ingresso da ação policial nos países vizinhos as forças de segurança da respectiva localidade é que fica responsável pela ação”, pontuou Videira.  

Para ele, o acordo permitirá que as ações não sejam interrompidas por conta dos limites territoriais, mas é claro que no caso de Mato Grosso do Sul, as forças de segurança vão sempre buscar a participação das instituições de segurança vizinhas na realização das diligências em seu território.

Por meio de nota, a PRF também sinalizou de forma positiva para o acordo. “O acordo acima ajudará em muito no combate aos crimes na fronteira, já que muitos criminosos se aproveitam dessa região para atravessar a faixa e ficar impunes logo após o cometimento do delito.”

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia Militar de Corumbá prende homem com mandado de prisão em aberto no bairro Aeroporto
Planos de saúde vão cobrir exames para detecção do novo coronavírus
Homem baleado na cabeça na Mato Grosso morre na Santa Casa
Homem envia fotos nuas da ex-mulher em aplicativo e acaba preso em Anaurilândia
Cloroquina 'some' das farmácias e preço vai às alturas; pacientes com lúpus são prejudicados
Comerciante é executado a tiros enquanto aguardava em semáforo na fronteira
Com mais de mil casos em 24h, MS tem 34,5 mil infectados e 570 mortes por coronavírus
Concurso público com salários de até R$ 3,1 mil prorroga prazo de inscrições
Paranaíba: donos de veículos apreendidos pela polícia têm prazo de 30 dias para evitar leilão
Campo Grande é 5ª cidade mais infiel na pandemia, diz aplicativo