Menu
Busca quarta, 01 de abril de 2020
(67) 99820-0742
Set

Médicos da Central de Regulação entram em greve e apenas urgência é atendida

06 junho 2016 - 23h08

Os médicos municipais que atuam na CERA (Central Estadual de Regulação) entraram de greve nesta segunda-feira (06) por tempo indeterminado. Segundo o SinmedMS (Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul), eles estão sem receber há dois meses.  

"Até o momento, nenhuma resposta foi enviada ao SinMed pela Sesau ao ofício encaminhado no dia 18/05 questionando o motivo do atraso e solicitando informações sobre a respectiva regularização do pagamento dos plantões", revelou o Diretor de Comunicação Social, Jornalismo e Marketing do SINMED/MS, Renato Figueiredo.

Segundo Sinmed/MS, a categoria mantém 30% do atendimento de urgência, conforme determinado por lei.

A paralisação foi decidida de forma unânime durante assembleia, realizada no dia 23 de maio na Central Estadual de Regulação. A categoria informou ainda que vem tentado resolver a questão junto à Prefeitura, porém até o momento não recebeu respostas sobre o atraso.

A Prefeitura informou que o pagamento será feito nos próximos dias. A falta de pagamento dos plantões de março e abril foi devido, segundo prefeitura, atraso no repasse do Governo. 

Via: Midia Max

Deixe seu Comentário

Set 2

Leia Também

Enem terá prova impressa e digital em 2020
Pressionada, prefeita mantém lojas fechadas por pelo menos mais uma semana
Demitidos fazem fila para sacar auxílio “bem vindo” na reabertura dos bancos
Cantor Mariano é diagnosticado com coronavírus
PM vai acompanhar cumprimento do toque de recolher em Corumbá
Com empresários, prefeito discute ações de prevenção ao COVID-19
Idosa morta em Dourados é a primeira vítima do coronavírus em MS
Mulher é brutalmente espancada pelo filho e irmão em Três Lagoas
Na Espanha, 849 morreram por coronavírus nas últimas 24 horas
Menina de 12 anos morre vítima de Coronavírus