Menu
Busca quarta, 25 de novembro de 2020
(67) 99820-0742

Campanha de Multivacinação começa na próxima segunda em Ladário

15 setembro 2016 - 16h23

Na próxima segunda-feira, 19 de setembro a Secretaria de Saúde dará inicio em Ladário a campanha Nacional de “multivacinação”. Tendo o dia 24 como dia de divulgação e mobilização nacional seguindo o calendário vacinal até o dia 30 de setembro.

Neste ano, além das crianças menores de cinco anos, também serão alvo desta estratégia as crianças de nove anos e adolescentes de 10 a menores de 15 anos de idade (14 anos 11 meses e 29 dias).

De acordo com a enfermeira e coordenadora da campanha no município, Ingrith Raphaelle, “Esse grupo tem uma maior resistência a se vacinar e muitos pais acreditam que não há necessidade de imunizar os seus filhos nesta faixa etária. No entanto, com a evolução do Calendário Nacional de Vacinação nos últimos anos, muitas vacinas necessitam ter doses de reforço nesta faixa etária ou passaram a ser incluídas no Calendário, como é o caso da vacina HPV para as menina”.

As vacinas disponíveis durante a campanha que é nacional serão a Hepatite A; VIP(poliomelite inativada) ; Vacina Oral Poliomielite Bivalente (VOP); Rotavírus; Meningocócia C; HPV; Pneumo 10; Febre Amarela; Pentavalente; Tetraviral; Dupla adulto; DTP; Tetra viral ou tríplice viral + varicela (atenuada).

Do dia 19 ao dia 23  e 25 a 30, as vacinas serão aplicadas na Unidade Mista, localizada no Centro na Rua Cunha Couto e na Estratégia de Saúde da Família João Fernandes, situada na Rua Riachuelo, Bairro Alta Floresta. O horário de atendimento será das 07h30 às 10h30.

Em Ladário, no dia 24 de setembro, o ‘Dia D’, as doses estarão disponíveis nas Estratégias de Saúde da Família ESF João Fernandes, ESF Almirante Tamandaré, ESF Erico Valle e Unidade Mista de Saúde. Todos no horário de 8h às 17 horas. Para vacinar é necessário que os responsáveis levem a caderneta de vacinação e os documentos pessoais do adulto e do menor.

Ainda conforme informações da coordenadora da campanha no município, a atualização da carteira de vacinação é essencial para a saúde, “a conscientização dos pais em levar seus filhos para vacinar é muito importante, pois é através do gesto deles que podemos nos prevenir de diversas doenças e a vacina ainda é a melhor forma de prevenção”, afirmou.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa PML 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Cidadão comum pode monitorar eleições
Sustentabilidade no ambiente de trabalho: Pequenas ações em favor do meio ambiente
Obra criada por pesquisadores da UEMS concorre ao prêmio Jabuti
Após perseguição, trio que roubou veículo acaba na cadeia em Campo Grande
PF, MPF e CGU investigam contratos de saúde em municípios do Rio
Em tentativa de roubo de banco, quadrilha troca tiros com a polícia e toca o terror
Tênis de mesa: Takahashi estreia nesta terça no Masters da Espanha
Câmara aprova homenagem a Luan Santana pelo projeto “O Pantanal Chama”
Câmara aprova Projeto de Lei que cria o Dia Municipal do Jovem Pantaneiro
Arrecadação federal soma R$ 153,9 bilhões em outubro