Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020
(67) 99820-0742

Prefeito defende harmonia entre os poderes alicerçada na transparência

17 fevereiro 2017 - 19h25

Ao participar da Sessão Solene de Instalação da 61ª Legislatura 2017/2020, na Câmara Municipal de Corumbá, e dar as boas-vindas aos vereadores, o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira defendeu a harmonia e a soma de esforços dos dois poderes em benefício da sociedade corumbaense. Na ocasião, ele reiterou que o Poder Executivo está à inteira disposição da Casa de Leis para a melhor relação político-institucional possível para o bem dos corumbaenses.

 

Na avaliação dele, os tempos difíceis vividos atualmente na economia brasileira – com reflexos diretos na região – demonstram a importância da harmonia entre os poderes para oferecer à população as respostas e ações que ela espera dos agentes políticos locais. “Essa harmonia deve ser alicerçada num Legislativo atento às demandas sociais e num Executivo transparente, aberto à intervenção cidadã na implantação e condução das políticas públicas e pautado pelo Pacto da Governança Democrática”, afirmou.

 

Ruiter aproveitou a oportunidade para destacar alguns fatos relevantes para a relação institucional entre os poderes em questão. Uma delas é a preocupante redução da importação do gás natural oriundo da Bolívia, fazendo com que o Mato Grosso do Sul perca R$ 700 milhões por ano em arrecadação de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), sendo que 25% desse montante pertencem aos municípios.

 

Para Corumbá, conforme o prefeito, o efeito dessa redução é ainda mais danoso, pois impacta diretamente na aferição do índice de participação do município na cota-parte do ICMS, nossa principal fonte de receita. Soma-se a isso um longo período de dificuldades enfrentadas pelo setor mineral, outro pilar vital para a nossa economia. “Temos assim um contexto econômico que exige um esforço conjunto, articulado e ininterrupto na busca de alternativas sólidas e viáveis para manter a nossa economia aquecida”, salientou.

 

Perspectivas

 

Por outro lado, Ruiter também destacou grandes oportunidades para o desenvolvimento de Corumbá, como a possibilidade de implantação do Corredor Ferroviário Bioceânico Central. Apresentado nesta semana pelo governo boliviano, o projeto já conta com 80% do trajeto implementados e tem o empenho irrestrito do governo do Estado. “Essa iniciativa abre uma nova perspectiva de desenvolvimento para o município e a região fronteiriça, ampliando as relações comerciais do Brasil e do Estado com os países vizinhos”, lembrou.

 

Outro aspecto importante destacado foi a recente assinatura do contrato com o Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata). O convênio representa não só o financiamento de US$ 40 milhões de dólares, como também o aporte de outros US$ 40 milhões de dólares, com participação dos governos municipal, estadual e federal, em investimentos na infraestrutura pública da cidade nos próximos anos, melhorando a qualidade de vida dos corumbaenses.

 

Convite

 

Por fim, o prefeito convidou todos os vereadores e o público presente para um ato público que será realizado no dia 21 de fevereiro (terça-feira). Na ocasião, o governador Reinaldo Azambuja e as autoridades do Fonplata estarão em Corumbá para assinar os termos de parceria e detalhar os investimentos a serem realizados. O ato deverá ocorrer a parir das 15 horas, no auditório Salomão Baruki, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

(Assessoria de Comunicação PMC)

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Em agosto, venda na indústria paulista foi 3,9% maior que em fevereiro
Casos de coranavírus disparam em penitenciária da fronteira
Força-tarefa vai restaurar Palácio do Itamaraty no Rio
Depois de quase um mês estável, taxa de letalidade volta a aumentar em MS
Governo anuncia Renda Cidadã, com recursos de precatórios e do Fundeb
Para impedir avanço do fogo, Operação Pantanal II adota nova estratégia
51 prefeitos de Mato Grosso do Sul disputam a reeleição em 2020
'Lula' e 'Bolsonaro' disputam vagas para vereador em todo Brasil
Esacheu sugere educação focada no mercado de trabalho
Trans é espancada após se negar a fazer programa de graça