Menu
Busca terça, 01 de dezembro de 2020
(67) 99820-0742

Ex-Governador de Mato Grosso do Sul é condenado por improbidade administrativa

16 agosto 2016 - 14h48

A 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos acolheu e reconheceu a prática de improbidade administrativa que foi pedida pelo Ministério Público de Mato Grosso do Sul, por meio da 30ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social, em face de José Orcírio Miranda dos Santos, Ronaldo de Souza Franco, José Elias Moreira e Etsuo Hirakawa.

Na Ação Civil Pública, o Magistrado Marcelo Ivo de Oliveira impôs multa civil em desfavor dos requeridos no equivalente a duas vezes o valor de suas últimas remunerações mensais à época (dezembro de 2006), revertidas ao Fundo de Defesa Reparação de Interesses Difusos Lesados, além da suspensão dos direitos políticos dos requeridos pelo prazo de 03 (três) anos, e também a proibição em contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário pelo prazo de 03 (três) anos. 

 

Fonte: ASSECOM MPMS 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Governo apoia projeto de geração de renda com cerâmicas Kadiwéu
Menina que levou tiro de fuzil no rosto terá alta médica nesta semana
MS passa a contar com sistema que reforça combate ao abuso e exploração sexual
Mais de 99 mil pessoas foram infectadas pela covid-19 em MS
Dezembro traz chuva e aumento na umidade do ar
R$ 4,79: MS tem gasolina mais cara do Brasil, segundo levantamento
Mãe abandona crianças de 2 e 6 anos sozinhas para usar drogas no Vida Nova
Mãe tirou foto da filha momentos antes de ela morrer eletrocutada por decoração
Idosa é morta a facadas e tem casa queimada; principal suspeito é marido, que está internado
Funcionários de terceirizada da Energisa entram em greve por tempo indeterminado