Menu
Busca sábado, 24 de outubro de 2020
(67) 99820-0742

Um dos quatro acusados de assalto em joalheria na Bolívia é preso pela PRF em MS

31 outubro 2016 - 17h13

Um dos quatro acusados de assaltarem uma joalheria, na cidade de Santa Cruz de La Sierra, Bolívia, na semana passada, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal- PRF, quando tentava viajar, com cerca de 670 g de joias diversas sem documentação legal.

O caso aconteceu, durante barreira policial, na BR 158, km 5, em Cassilândia, por volta de 23h30, do dia 28, quando a PRF, abordou um homem de 25 anos, morador da cidade de Imperatriz- MA.

Com ele, além das joias, foram apreendidas uma pistola marca Glock cal 9 mm (de uso restrito) com dois carregadores e cinco munições 9 mm intactas. O suspeito estava dentro de um ônibus que fazia a linha Campo Grande/MS – Goiânia/GO.

Em entrevista a um jornal boliviano, o ministro de Estado daquele país, Carlos Romero, informou que dos quatro acusados envolvidos no assalto, três seriam brasileiros, e que estariam vivendo na Bolívia ilegalmente ou até mesmo eram foragidos da polícia brasileira.

O assalto

As investigações apontaram que antes de entrar na joalheria, os assaltantes roubaram, por volta das 16h30, um taxi. O veículo foi usado para dar cobertura a ação dos bandidos. O registro de roubo foi feito pelo taxista, que esteve em uma das delegacias da cidade, para registrar o boletim de ocorrência.

Logo em seguida, a quadrilha se deslocou até a loja, com outro veículo, sendo que o táxi roubado dava cobertura para a fuga deles.

Ao entrar na joalheria, eles abordaram violentamente as funcionárias, levando assim, uma grande quantidade de joias. Ao saírem, entraram no táxi e fugiram.

Diante da ação, ao serem avisados, a polícia boliviana começou as buscas pelos bandidos, porém, acabaram encontrando horas depois, o táxi, que estava abandonado nas imediações do 4° anillo.

Devido aos fatos, os trabalhos de investigações tiveram mais força na cidade de Santa Cruz e nas cidades que fazem fronteira com a Bolívia, como Corumbá.

 

Fonte: Leonardo Cabral 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Anvisa autoriza importação de 6 milhões de doses da CoronaVac
Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado de R$ 38 milhões
Sanguessuga viva é retirado da traqueia de um menino; parasita ficou um ano lá
Homem achado morto com furos no rosto em Corumbá é identificado e polícia quer testemunhas
Sábado terá pancadas de chuva e máxima de 41°C em MS
Motorista tomba caminhão com boiada e fica ferido em Batayporã
Trio de arrombadores de casas é descoberto pela PM e vítima lamenta: 'venderam tudo
Dudu, do Bifão da Coophasul, morre em Campo Grande
Campo-grandense pesca peixão de 1,4 m no Rio Aquidauana
Do PSL, Ovando diz que não será cobaia da vacina; já Fabio e Vander alertam para proteção da vida