Menu
Busca sexta, 25 de setembro de 2020
(67) 99820-0742

PMA autua assentado em R$ 4 mil e apreende 163 kg de pescado ilegal e 510 metros de rede de pesca

17 fevereiro 2017 - 11h17

Policiais Militares Ambientais de Dourados receberam denúncia de pesca predatória ontem (15) no município de Nova Alvorada do Sul. Os policiais foram até o assentamento Pana e encontraram o proprietário de um lote (57) que possuía armazenados diversos exemplares de peixes das espécies Pintado, Jaú e Curimbatá sem a devida declaração de estoque.

Foram apreendidos 163 kg de pescado e também foram encontrados 510 metros de rede de pesca (petrecho proibido), e ao total 163 quilos de pescado ilegal. O assentado, residente no local, foi autuado administrativamente e multado em R$ 3.958,00. O pescado e as redes de pesca foram apreendidos.

A falta de declaração de estoques não é crime, porém, é infração administrativa que prevê a apreensão do pescado e multa de R$ 700,00 a R$ 100.000,00, com acréscimo de R$ 20,00, por quilo ou fração do produto, porém, a PMA apurará se o pescado fora capturado em período de piracema.

CONTROLE DE ESTOQUES DE PESCADO (DECLARAÇÃO)

O controle de estoques dos estabelecimentos que comercializam pescado é feito de maneira mais efetiva, para evitar que peixarias adquiram pescado irregular, evitando assim, a captura nos rios, pois se não há para quem vender certamente o pescador não irá capturar peixes neste período. Policiais Ambientais continuarão monitorando e dando baixa nos estoques das peixarias da Capital e Interior.

(ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia do Rio desarticula grupo que aplicava golpe da casa própria
Governo libera entrada de estrangeiros em todos os aeroportos do país
País tem 13 milhões de desempregados
Bolsonaro é internado para fazer cirurgia em São Paulo
Homem é assassinado com 6 tiros em frente a espetinho
PM de Corumbá prende indivíduos por Tráfico de Drogas no bairro Popular Nova
Rapaz morre após bater moto em carro no Estrela do Sul
Saúde atualiza novamente procedimentos para aborto no SUS
Libertadores: Líder do Grupo G, Santos enfrenta o Delfín no Equador
Justiça autoriza retorno das aulas no Colégio Militar do Rio