Menu
Busca terça, 22 de setembro de 2020
(67) 99820-0742

PC desarticula quadrilha, quatro são presos e realiza apreensão de 94 kg de cocaína, uma das maiores no Pantanal

02 agosto 2016 - 22h00

Considerada uma das maiores apreensões de drogas na região do Pantanal, a Polícia Civil, desarticulou uma quadrilha, que estava prestes a enviar 94 kg de cocaína, para a cidade do Rio de Janeiro. Segundo as investigações, o entorpecente sairia de Corumbá nesta próxima quarta-feira (03) para provavelmente abastecer o tráfico de drogas, durante os Jogos Olímpicos.

Porém, a ação foi frustrada após um período de investigação que levou a prisão de quatro pessoas, L.A.B.S. (45), S.E.E (33), J.M.D. (34) e a única mulher do grupo R.P.C (55), na tarde desta segunda-feira, 01 de agosto, em determinados pontos de Corumbá. A droga estava avaliada em aproximadamente R$ 1 milhão.

Na tarde de hoje (02) a Polícia Civil realizou uma coletiva de imprensa, onde apresentou os detalhes da apreensão. De acordo com o delegado regional da Polícia Civil Gustavo Bueno, a droga foi apreendida em uma propriedade rural, localizada próxima ao Lampião Aceso, às margens da BR-262.

“Foram meses de investigação, mas conseguimos desarticular parte da quadrilha, já que com toda certeza existe a possibilidade de que, outras pessoas estejam envolvidas, inclusive de outros Estados. Essa apreensão representa a integração das Delegacias da PC, que realizam um trabalho sério, tentando combater a criminalidade na região, onde provavelmente todo este entorpecente seria para abastecer o tráfico durante os Jogos Rio 2016”, falou o Delegado Gustavo.

Os 94 kg de cocaína estavam embalados em sacolas plásticas, onde alguns tabletes traziam a estampa de personalidades, como o Jogador Neymar, Cristiano Ronaldo e também de um personagem de desenho, o Coringa, que provavelmente deve ter algum significado no mundo do tráfico.

“A nossa pericia está investigando se realmente essas embalagens representam algum tipo de recado ou até mesmo, pode determinar o valor do montante apreendido”, explicou Bueno.

A apreensão

Toda a droga estava enterrada em tambores dentro da propriedade rural, mas antes de chegar até o Sitio, os traficantes estavam escondendo-a em uma residência da cidade. Todo o trajeto até chegar na área onde o entorpecente estava, eles haviam filmado, facilitando a ação da Polícia.

“Quando chegamos à propriedade rural, tivemos que utilizar uma retroescavadeira para desenterrar toda a cocaína que estava dentro de tambores. No local, apenas o arrendatário foi detido em flagrante, já que as nossas equipes estavam se deslocando para residências aqui na área urbana”, informou o delegado Sam Suzumura.

Além disso, o delegado Sam revelou que um caderno utilizado pela quadrilha para realizar anotações sobre a droga, também foi apreendido. “O caderno traz o nome de pessoas, bem como os aparelhos celulares, onde encontramos também encomendas via Whatsapp de pessoas de nacionalidade boliviana que provavelmente deverão ser investigadas. Um desses pontos da contabilidade menciona um indivíduo que foi preso, responsável por transportar essa droga da casa até o sítio em mais de uma oportunidade”, mencionou.

Ladário

Na oportunidade, o Delegado da Polícia Civil de Ladário Fernando Araújo, participou também da coletiva, onde informou sobre a possível participação de pessoas de Ladário.

“Nossos investigadores já estão trabalhando no caso. E o que tudo indica, propriedades rurais de Ladário, também estão servindo como esconderijo para drogas que provavelmente entram pela Bolívia, seja por terra, ar ou até mesmo água”, contou.

Ainda conforme ele, um homem que foi detido em outro Estado pelo crime de tráfico de drogas, havia mencionado que todo o entorpecente havia saído da cidade de Ladário, o que levou a Polícia local iniciar as investigações.

Já os quatros presos, com passagem pela polícia pelo mesmo crime, poderão pegar de 05 a 15 anos de prisão.

 

Fonte: Leonardo Cabral (colaboração) 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasileiros acreditam que inflação ficará em 4,7% em 12 meses
INSS permite remarcação de perícia médica por meio da Central 135
Jovem finca agulha de narguilé e mata namorado após discussão por pastel
Candidatos à prefeitura tentam levar “Bolsonaro” a tiracolo na campanha em Campo Grande
Bolsonaro diz que Brasil é exemplo ambiental para o mundo
PM prende casal armado passeando de carro em Campo grande
Ferida com tiro no nariz, menina de 7 anos está consciente na Emergência da Santa Casa
Motociclista se corta em arame de fazenda e morre na Santa Casa
Brasil registra 739 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas
Trabalhadores nascidos em dezembro recebem hoje crédito do FGTS