Menu
Busca terça, 29 de setembro de 2020
(67) 99820-0742

Familiares e amigos criam "grupo de buscas” e localizam na Bolívia jovem desaparecido

26 junho 2016 - 22h35

João Fernandes Neto, de 29 anos, que esteve desaparecido por quase três dias na região do Pantanal, foi encontrado no final da tarde deste domingo, 26 de junho, em uma propriedade rural, localizada na Bolívia. A notícia foi repassada ao Corumbá Agora, pelo tio do rapaz.

Conforme as informações, o jovem estava em uma fazenda e foi achado, após os familiares e amigos criarem um “grupo de buscas”, juntamente com a polícia boliviana, e vasculharem a região.

A caminhonete dele, achada em um atoleiro, nas proximidades de Mutún, distante a poucos quilômetros da cidade de Puerto Suarez, na Bolívia, foi fundamental para localizar o paradeiro de João.

“Nossos familiares e amigos estavam desde às 10 horas de hoje buscando alguma pista sobre o meu sobrinho. Um capataz da fazenda do pai dele foi quem o encontrou. Ele estava bastante desorientado e debilitado fisicamente, porém nada de lesões”, informou o tio do rapaz.

O caso

João desapareceu na última sexta-feira, 24 de junho. A última vez que foi visto, ele estava andando por uma feira na região da fronteira. Após isso, ninguém mais soube sobre o paradeiro dele.

Familiares e amigos começaram uma campanha pelas redes sociais, mobilizando toda a população da cidade de Corumbá e Ladário, pedindo informações sobre o paradeiro do jovem, que acabou sendo encontrado no final da tarde de hoje.

Ainda segundo o Boletim de Ocorrências nº 3782/2016, registrado na Delegacia de Polícia Civil de Corumbá, pela mãe do rapaz, Márcia Panovitch, ela havia relatado  que o filho passa por um tratamento de depressão, o que poderia ter sido um dos motivos pelo desaparecimento do garoto. Mas como a família tem propriedades no país vizinho, há possibilidades de que ele possa ter tomado a decisão de ir até a Fazenda e se perdido no caminho.

Fonte: Leonardo Cabral (colaboração)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Contas públicas podem ter déficit de R$ 871 bilhões este ano
Cão fica preso em buraco e é resgatado pelos bombeiros em Corumbá
Em agosto, venda na indústria paulista foi 3,9% maior que em fevereiro
Casos de coranavírus disparam em penitenciária da fronteira
Força-tarefa vai restaurar Palácio do Itamaraty no Rio
Depois de quase um mês estável, taxa de letalidade volta a aumentar em MS
Governo anuncia Renda Cidadã, com recursos de precatórios e do Fundeb
Para impedir avanço do fogo, Operação Pantanal II adota nova estratégia
51 prefeitos de Mato Grosso do Sul disputam a reeleição em 2020
'Lula' e 'Bolsonaro' disputam vagas para vereador em todo Brasil