Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020
(67) 99820-0742

Empresa de construção de asfalto é autuada por manter armazenamento ilegal de produtos perigosos

28 julho 2016 - 15h26

Policiais Militares Ambientais de Corumbá estiveram em uma empresa, nesta quarta-feira, 27 de julho, localizada no perímetro urbano da cidade e flagraram armazenamento ilegal de produtos perigosos, de forma inadequada e com riscos de contaminação ambiental.

De acordo com a PMA, no pátio da empresa de transportes e de construção de asfalto, os policiais encontraram, 3.144 tambores de 200 litros, contendo o produto Betuflex (lama asfáltica), produto perigoso, para o qual não havia licença ambiental de armazenamento.

O local também não atendia as especificações da legislação, no tocante às sinalizações de riscos, coletores de possíveis vazamentos, que poderiam causar contaminação do solo. Foram apreendidos todos os galões do produto.

A empresa infratora foi notificada a tomar as providências para a adequação dos produtos perigosos, conforme determina a legislação.

Diante dos fatos, a PMA também confeccionou um auto de infração administrativo e arbitrou multa de R$ 117.000,00.

Os responsáveis pela empresa responderão por crime ambiental, previsto pelo artigo 56 da Lei 9.605/1998 de: produzir, processar, embalar, importar, exportar, comercializar, fornecer, transportar, armazenar, guardar, ter em depósito ou usar produto ou substância tóxica, perigosa ou nociva à saúde humana ou ao meio ambiente, em desacordo com as exigências estabelecidas em leis ou nos seus regulamentos. A pena é de um a quatro anos de reclusão.

 

Fonte: Leonardo Cabral (colaboração) 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Depois de quase um mês estável, taxa de letalidade volta a aumentar em MS
Governo anuncia Renda Cidadã, com recursos de precatórios e do Fundeb
Para impedir avanço do fogo, Operação Pantanal II adota nova estratégia
51 prefeitos de Mato Grosso do Sul disputam a reeleição em 2020
'Lula' e 'Bolsonaro' disputam vagas para vereador em todo Brasil
Esacheu sugere educação focada no mercado de trabalho
Trans é espancada após se negar a fazer programa de graça
Homem se mete em briga e acaba esfaqueado pelas costas
Fundação tem 25 vagas de pedreiro com salários que vão até 4 mil
Presidente do Comercial, empresário Valter Magnini morre de covid-19