Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
(67) 99820-0742

Bolivianos são detidos por transportarem iscas vivas sem autorização ambiental

24 agosto 2016 - 15h29

Duas pessoas, um homem de 27 anos e um adolescente de 17 anos, forma detidos, na noite desta terça-feira, 23 de agosto, após tentarem atravessar a região de fronteira, Brasil/ Bolívia, com 1.000 iscas vivas das espécies tuvira, jejum e caranguejos, que tinham sido capturado sem autorização ambiental.

O caso, conforme a Polícia Militar Ambiental- PMA, aconteceu na sede do Posto Edras, quando ficais da Receita Federal, abordaram a dupla e acabaram encontrando as iscas, que estavam em tambores plásticos sendo transportadas no porta-malas de um veículo Toyota Corolla, com placas da Bolívia.

Após flagrante, os infratores foram conduzidos à delegacia de Polícia Federal de Corumbá para responder por crime ambiental de transporte de produto da fauna ilegalmente, que prevê pena de três meses a um ano de detenção.

Já as iscas foram soltas na Baía do Tamengo, no Pantanal.

 

Fonte: Leonardo Cabral (colaboração) 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Universidade oferece tratamento gratuito a pacientes com sequelas da covid-19
Reme ainda não tem prazo para retorno das aulas presenciais
Jovem de 22 anos perde controle de moto e morre na Salgado Filho
Bandidos não perdoam nem cavalos em Corumbá
Caminhoneiro de Dourados capota e morre na serra de Maracaju
AGU cobra na Justiça R$ 893 milhões de desmatadores da Amazônia
Ocupação de UTIs tem risco baixo em 17 estados e crítico no Rio e GO
Focos de calor no Tocantins seguem padrão do clima, diz Defesa Civil
SP fecha último hospital de campanha para tratamento de covid-19
Intenção de consumo das famílias volta a crescer após cinco quedas