Menu
Busca sábado, 22 de fevereiro de 2020
(67) 99820-0742
Set

Queimada no Pantanal de MS termina com chuva e trabalho que envolveu quase 300 combatentes

10 novembro 2019 - 08h00Por G1/MS

No sobrevoo de reconhecimento a Defesa Civil constatou que não há mais focos e nem fumaça nos campos pantaneiros. Foram quase 300 combatentes, bombeiros de Mato Grosso do Sul, aviões de Mato Grosso e Distrito Federal, brigadistas do Prevfogo e Ibama, além de aviões. Nas fazendas próximas aos focos foram montadas bases de apoio. Um esforço enorme para conseguir conter o avanço do fogo.

No fechamento da operação os números surpreenderam. Nos poucos mais de dez dias de combate foram destruídos mais de 161 mil hectares de vegetação no Pantanal Sul, área que representa mais que todo o município de São Paulo. Além do esforço das equipes no campo, a chuva chegou encharcando o solo e ajudando a extinguir até mesmo o fogo subterrâneo, quando as raízes continuavam queimando.

Nesses mais de dez de combate as chamas, os bombeiros e brigadistas enfrentaram momentos impressionantes, eles combateram até durante as madrugada. As labaredas se levantaram no meio do mato seco e foi preciso retirar as equipes do combate porque estava perigoso. Em meio a tanta destruição, muitos animais não resistiram.

 
Queimada controlada no Pantanal de MS  — Foto: TV Morena/ReproduçãoQueimada controlada no Pantanal de MS  — Foto: TV Morena/Reprodução

Queimada controlada no Pantanal de MS — Foto: TV Morena/Reprodução

Deixe seu Comentário

Set 2

Leia Também

Homem é preso suspeito de estuprar dois adolescentes em chácara
Senadora de Mato Grosso do Sul tem número de celular hackeado
Ladrão é preso por moradores após roubar celular de mulher
Aos 15 anos, nadador de MS embarca para Lima em busca de medalhas
Grupo na Base Aérea de Anápolis pode sair da quarentena antes do prazo previsto, diz Ministério da Saúde
Ceará tem 51 assassinatos em 48 horas de motim da Polícia Militar
Prefeitura entrega uniformes e solidifica ciclo de investimentos na Saúde, Cultura e Educação
Vila Mamona faz reedição de samba e relembra sua 1ª vitória
Denunciado por crime de ódio é citado após MPMS dizer que ele ‘fugiu’ por meses
Secretaria de Saúde faz no dia 27 audiência pública para apresentar relatórios do 3° quadrimestre