Menu
Busca quarta, 03 de junho de 2020
(67) 99820-0742
Set

Deputados aprovam mudança e ao invés de ‘divisão’ será usada ‘criação’ de MS

10 outubro 2019 - 08h00Por Assessoria ALMS

Foi aprovado em 2ª votação na sessão desta quarta-feira (9) o projeto de Lei propondo a mudança do verbo de ‘divisão’ para ‘criação’ de Mato Grosso do Sul, na redação do anexo da Lei 3.945, de 4 de agosto de 2010, que institui o calendário oficial de eventos no Estado.

A proposta foi apresentada pelo deputado João Henrique Catan (PL) e foi aprovada por unanimidade pelos 17 parlamentares presentes na sessão. “Meu avô promulgou a lei em 1979, mas o texto acaba gerando confusão. A gente precisa ter orgulho do Estado, do nosso ‘r’ puxado’, disse na tribuna ao defender a proposição.

Catan sugeriu a alteração alegando que Mato Grosso foi dividido e Mato Grosso do Sul criado em 79. “Queremos trazer de volta um simbolismo cultural para todos os cidadãos. Muitas pessoas que visitam nosso Estado acabam sendo corrigidas ao dizerem ‘Mato Grosso’”.

Segundo o deputado, o sul-mato-grossense comemora a divisão do Estado e não a criação. “Fizemos o projeto para resgatar o civismo, a história de Mato Grosso do Sul nas escolas. Muitos alunos são sabem quem foi Guia Lopes, que originou o nome do município de Guia Lopes da Laguna, entre outras particularidades do Estado”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corumbá tem mais 15 positivos, e totaliza 44 casos de Covid-19
CNC: confiança do empresário do comércio cai 20,9 de abril para maio
Municípios aderem a repasse para ajudar Sistema de Assistência Social
Vacinação contra H1N1 é prorrogada para público de todas as fases
Contribuinte ainda pode destinar parte do Imposto de Renda para o CMDCA
Vereador diz que 54% das mortes de covid-19 são de pretos e pardos
Exposedcg: denunciado por estupro no Twitter procura a delegacia e relata calúnia
Com 33 novos casos, Dourados supera Campo Grande e já tem maior número de Covid-19 em MS
Coronavírus chegou ao Brasil pela Europa, América do Norte e Oceania
Rio de Janeiro começa reabertura gradual das atividades