Menu
Busca terça, 17 de setembro de 2019
(67) 99820-0742
Set
Costa Rica

Homem estupra enteada, perde a mulher e passa a ameaçá-la

12 setembro 2019 - 08h20Por MidiaMax

Servente de pedreiro de 28 anos foi preso nesta terça-feira (10) pela Polícia Civil de Costa Rica, a 384 quilômetros de Campo Grande, por descumprimento de medidas protetivas. Ele estava impedido de se aproximar da ex-mulher, por ameaçá-la depois de ser flagrado estuprando a filha dela, de apenas nove anos.

A mulher, uma dona de casa de 23 anos, disse que se separou do homem em janeiro deste ano, após descobrir que ele estava abusando sexualmente da filha dela de 9 anos, fruto de outro relacionamento. Na época, o crime foi denunciado pelo Conselho Tutelar de Costa Rica, após relato da própria criança.

Diante dos fatos, a mulher pediu separação, mas o homem não aceitou e passou a persegui-la e ameaçá-la, tanto que no dia 25 de julho ela procurou a Polícia Civil para registrar boletim de ocorrência. Na ocasião, ela pediu medidas protetivas de urgência que foram deferidas pela Justiça.

Mesmo sendo proibido de se aproximar ou fazer contato com ex, o homem continuou com as intimidações e perseguições. Na terça-feira, ele foi preso pelos policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) na Rua Hipólito Pereira Ramos, a poucos metros do local de trabalho da ex-mulher. Ele estava a vigiando.

Deixe seu Comentário

Set 2

Leia Também

Bolsonaro tem alta e deixa hospital em São Paulo
WWF-Brasil lança concurso de fotografia para destacar as belezas naturais do Pantanal e da bacia do Alto Paraguai
Violência por dizer “não” ao ex-namorado fez Ana largar tudo e sair pelo mundo
Dica da semana: "O Homem que Viu o Infinito"
MS registrou 2.070 focos de calor em setembro, segundo dados do Inpe
Em 12 horas, queimadas destruíram 200 hectares em Bodoquena
Sem poder doar medula para Calebe, mãe quer alguém compatível para livrar seu filho da leucemia
Mato Grosso do Sul é o segundo no País com mais abates de bovinos
Homem leva mordida de cão, exige desculpas do vizinho e denuncia crime em MS: 'Coloca vinagre que é bom'
Marido quer que mulher aborte bebê só porque é uma menina