Menu
Busca sexta, 22 de novembro de 2019
(67) 99820-0742
Set

Prefeitura investe R$ 1,2 milhão para concluir residencial com 224 casas

22 junho 2016 - 13h47

Com aporte de R$ 1,2 milhão, a Prefeitura de Corumbá está retomando as obras do residencial Corumbella II, no Bairro Guató, empreendimento que faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e que estava paralisado há cerca de quatro anos.

A ordem de serviço foi assinada na tarde desta terça-feira pelo prefeito Paulo Duarte com a empresa que será responsável pela conclusão do conjunto de 224 unidades habitacionais. Além do prefeito, assinaram o documento o gerente de Operações da Vale, Olemar Tibães; o representante da VCB Engenharia Ltda., Orestes Jorge Correia, e como testemunhas, a diretora-presidente da Fundação de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico (Fuphan), pasta responsável pela obra, Maria Clara Scardini, e Alfredo Zamlutti Junior, presidente da Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul (Faems) e da Associação Comercial e Empresarial de Corumbá (ACIC), assinaram como testemunhas.

“Estamos retomando esta obra injetando recursos próprios pata atendermos famílias de baixa renda. A Prefeitura está entrando com R$ 1,2 milhão, a Vale com R$ 200 mil, além dos R$ 1,1 milhão que já havia aportado anteriormente, e o restante, R$ 5 milhões, são do Governo Federal, via Caixa Econômica Federal”, disse o prefeito, ressaltando que tudo isso está sendo possível devido a participação de parceiros importantes, como a Vale.

“Foi um trabalho muito grande para chegarmos aqui. As obras serão reiniciadas logo após a limpeza do local que começa já nesta quarta-feira (22) e o residencial deverá estar concluído em um prazo de seis a oito meses”, previu. “É mais uma obra que encontramos inacabada. Não interessa quem começou, temos que concluir, ainda mais sendo moradias para atender a população”, reforçou.

A retomada da obra somente foi possível após uma intensa batalha judicial entre a Caixa e a empresa que estava responsável pela construção do empreendimento, hoje substituída pela VBC Engenharia Ltda., responsável pela construção de outras 1040 unidades.

Parceiros

O documento que autoriza a retomada das obras foi assinado no auditório da Associação Comercial e Empresarial de Corumbá e contou com as presenças de grandes parceiros da Prefeitura. Além de Alfredo Zamlutti Junior e Olemar Tibães, participaram também da solenidade Evaldo Emiliano de Souza, superintendente do Banco do Brasil no MS; Tito Estanqueiro, diretor de operações do Sebrae/MS; Marcelo Sigarini da Silva, gerente da Caixa em Corumbá; contra-almirante Petrônio Augusto Siqueira de Aguiar, comandante do 6º Distrito Naval; Cristina Lanza, vereadora e líder do governo na Câmara de Vereadores, entre outras autoridades.

Zamlutti, Tito e Evaldo fizeram uso da palavra e elogiaram a retomada da obra, considerada por eles como de grande importância, principalmente por gerar emprego, renda, movimentando a economia local.

Olemar Tibães lembrou o momento atual da economia e que isto tem afetado, e muito, a Vale. Afirmou, no entanto, que mesmo com déficit, a empresa continua investindo em Corumbá e que “mais uma vez está cumprindo com o seu lema, sendo parceira nesse programa habitacional. Nos orgulhamos em participar da vida e da prosperidade de Corumbá”.

Investimentos

Para retomar as obras estão sendo aplicados R$ 6.456.594,11, sendo R$ 1.219.504,13 do Município, R$ 199.320,00 da Vale, e R$ 5.037.769,98 da União, via Caixa. As 224 moradias que integram o programa foram sorteadas em fevereiro, junto com as outras unidades habitacionais (apartamentos), que serão entregues tão logo sejam concluídas.

 

Fonte: ASCOM PMC

Deixe seu Comentário

TECNODENTAL
Set 2

Leia Também

Colombianos vão às ruas para protestar contra pacote econômico
Envolvimento do nome do presidente no caso Marielle 'é um total disparate', diz Moro
Barricada no Chile retém caravana de torcedores do Flamengo que viajam a Lima para final da Libertadores
Adolescentes pulam muro para tomar banho de piscina e são agredidos
Pai entrega filho a polícia ao saber que ele matou idoso em SP: 'Peço perdão'
STJ concede habeas corpus ao DJ Rennan da Penha
Operação prende dois e cumpre 23 mandados de busca na fronteira
TJ mantém sentença, mas reduz 2 anos da pena de PM da Máfia do Cigarros
Gugu Liberato é internado em hospital após sofrer acidente em casa
Workshop divulga a história pré-colonial do Pantanal para incluir no roteiro turístico de Corumbá