Menu
Busca terça, 24 de novembro de 2020
(67) 99820-0742

Atendimentos jurídicos auxiliam moradores da região de Ladário

15 junho 2016 - 13h52

12 audiências da Vara da Família foram realizadas nesta terça-feira, 14 de junho, em Ladário. Os trabalhos realizados pela Justiça Estadual, em parceria com a Prefeitura , Ministério Público e Defensoria Pública, aconteceram na sede da casa da Cidadania Justiça e Inclusão Social, localizada na Avenida 14 de Março, Centro da cidade.

Comandada pelo Juiz de Direito da 1ª Vara Cível de Corumbá e Ladário Mauricio Cleber Miglioranzi Santos, as audiências têm o objetivo de aproximar o Poder Judiciário da comunidade ladarense, possibilitando as audiências na Pérola do Pantanal, conforme a exigência da demanda exigida pelo município.

“Estamos disponibilizando os atendimentos e seguindo a regularidade dos atendimentos. Queremos realizar uma vez ao mês essas audiências da Vara da Família, que tratam sobre Alimentos, Guarda familiar, Reconhecimento de União Estável ou relacionadas às famílias e regidas pelo direito, possibilitando beneficiar a população desta localidade”, disse o Juiz Mauricio Miglioranzi.

Participando do encontro, o Prefeito José Antonio Assad e Faria falou que ações como essas, além de beneficiar a população, promovem a cidadania entre os ladarenses.

“Isso aproxima mais o acesso da justiça junto a eles, principalmente para àquelas pessoas mais carentes, com mais dificuldades de recurso e locomoção que encontram na proximidade o fácil acesso àquela oportunidade de resolver as questões referente à justiça. Com isso, facilitamos a construção da cidadania”, indagou José Antonio que também lembrou sobre os atendimentos realizados pela Defensoria Pública em Ladário.

Sendo uma das primeiras a ser atendida, a jovem Franciane Assucena, procurou a Justiça para tentar solucionar o problema de pensão alimentícia. “é bem melhor ser atendida em sua própria cidade. além da facilidade, temos a comodidade e economia, já que antes, tínhamos que nos deslocar até a cidade de Corumbá”, comentou.

Além das audiências judiciais, Ladário também promove atendimentos relacionados à Defensoria Pública, que atende todos os dias. Porém, as terças e quartas-feiras, com a presença dos Defensores Públicos e as segundas, quintas e sextas com a orientação de uma estagiária supervisionada e preparada pelos Defensores.

O número de atendimentos é bastante significativo, sendo inclusive maior que os atendimentos realizados em municípios pequenos que possuem comarca. Nas terças-feiras, o atendimento é voltado para a área criminal e nas quartas-feiras o atendimento é para a área cível no período matutino.

Em Ladário, os atendimentos acontecem, na Casa da Cidadania, Justiça e Inclusão Social, desde 2011, com o objetivo de fornecer orientação jurídica e atendimento à população. 

Ainda participaram do encontro, o Defensor Público Carlos Bariani, o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil –OAB seccional Corumbá e professor da UFMS- Roberto Lins, A Secretária Especial de Políticas Públicas e Cidadania Beatriz Cavassa, Secretária de Assistência Social Jane Contu, bem como estagiários.

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Após perseguição, trio que roubou veículo acaba na cadeia em Campo Grande
PF, MPF e CGU investigam contratos de saúde em municípios do Rio
Em tentativa de roubo de banco, quadrilha troca tiros com a polícia e toca o terror
Tênis de mesa: Takahashi estreia nesta terça no Masters da Espanha
Câmara aprova homenagem a Luan Santana pelo projeto “O Pantanal Chama”
Câmara aprova Projeto de Lei que cria o Dia Municipal do Jovem Pantaneiro
Arrecadação federal soma R$ 153,9 bilhões em outubro
Vereador pede recuperação de via pública no Bairro Popular Velha
Pitbull ataca criança com mordidas no rosto em restaurante
Motociclista atropela ciclista e foge sem prestar socorro