Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99820-0742
Set

Atendimentos jurídicos auxiliam moradores da região de Ladário

15 junho 2016 - 13h52

12 audiências da Vara da Família foram realizadas nesta terça-feira, 14 de junho, em Ladário. Os trabalhos realizados pela Justiça Estadual, em parceria com a Prefeitura , Ministério Público e Defensoria Pública, aconteceram na sede da casa da Cidadania Justiça e Inclusão Social, localizada na Avenida 14 de Março, Centro da cidade.

Comandada pelo Juiz de Direito da 1ª Vara Cível de Corumbá e Ladário Mauricio Cleber Miglioranzi Santos, as audiências têm o objetivo de aproximar o Poder Judiciário da comunidade ladarense, possibilitando as audiências na Pérola do Pantanal, conforme a exigência da demanda exigida pelo município.

“Estamos disponibilizando os atendimentos e seguindo a regularidade dos atendimentos. Queremos realizar uma vez ao mês essas audiências da Vara da Família, que tratam sobre Alimentos, Guarda familiar, Reconhecimento de União Estável ou relacionadas às famílias e regidas pelo direito, possibilitando beneficiar a população desta localidade”, disse o Juiz Mauricio Miglioranzi.

Participando do encontro, o Prefeito José Antonio Assad e Faria falou que ações como essas, além de beneficiar a população, promovem a cidadania entre os ladarenses.

“Isso aproxima mais o acesso da justiça junto a eles, principalmente para àquelas pessoas mais carentes, com mais dificuldades de recurso e locomoção que encontram na proximidade o fácil acesso àquela oportunidade de resolver as questões referente à justiça. Com isso, facilitamos a construção da cidadania”, indagou José Antonio que também lembrou sobre os atendimentos realizados pela Defensoria Pública em Ladário.

Sendo uma das primeiras a ser atendida, a jovem Franciane Assucena, procurou a Justiça para tentar solucionar o problema de pensão alimentícia. “é bem melhor ser atendida em sua própria cidade. além da facilidade, temos a comodidade e economia, já que antes, tínhamos que nos deslocar até a cidade de Corumbá”, comentou.

Além das audiências judiciais, Ladário também promove atendimentos relacionados à Defensoria Pública, que atende todos os dias. Porém, as terças e quartas-feiras, com a presença dos Defensores Públicos e as segundas, quintas e sextas com a orientação de uma estagiária supervisionada e preparada pelos Defensores.

O número de atendimentos é bastante significativo, sendo inclusive maior que os atendimentos realizados em municípios pequenos que possuem comarca. Nas terças-feiras, o atendimento é voltado para a área criminal e nas quartas-feiras o atendimento é para a área cível no período matutino.

Em Ladário, os atendimentos acontecem, na Casa da Cidadania, Justiça e Inclusão Social, desde 2011, com o objetivo de fornecer orientação jurídica e atendimento à população. 

Ainda participaram do encontro, o Defensor Público Carlos Bariani, o Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil –OAB seccional Corumbá e professor da UFMS- Roberto Lins, A Secretária Especial de Políticas Públicas e Cidadania Beatriz Cavassa, Secretária de Assistência Social Jane Contu, bem como estagiários.

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Em Corumbá, Polícia Militar realiza a prisão de indivíduo por furto
Diretor-presidente do Detran-MS também testa positivo para coronavírus
Após aborto espontâneo, Mariana Rios faz desabafo emocionante
Carreta carregada com celulose pega fogo em Três Lagoas
Crise faz número de falências saltar de 71,3% em junho; especialistas veem piora
Homem tenta vender capacete falso de Ayrton Senna por R$ 50 mil
Covid-19: governo prorroga programa de redução de salários e jornada
Polícia prende assaltantes e criança tenta jogar arma do pai fora em MS
Acadêmico de engenharia perde luta contra covid-19 em Campo Grande
Jovem é assassinado com tiro na boca ao defender a tia de agressor que invadiu casa