Menu
Busca domingo, 27 de setembro de 2020
(67) 99820-0742
/*%%SmartyNocache:1641249555f701de8d2ac08-80018106%%*/smarty; if (!is_callable('smarty_function_get_banners')) include 'application/smarty_plugins/function.get_banners.php'; ?>/*/%%SmartyNocache:1641249555f701de8d2ac08-80018106%%*/

Rádios de Campo Grande e de Corumbá vão transmitir ao vivo jogo entre Corumbaense e NOVO

07 maio 2017 - 16h46Por Assessoria de Comunicação da PMC

Nessa tão esperada partida da final que vale o título do Campeonato Sul-Mato-Grossense de Futebol 2017, entram em campo não só os jogadores e toda a equipe do Corumbaense Futebol Clube e do NOVO, mas também os profissionais que vão narrar e proporcionar aos ouvintes toda a emoção deste jogo histórico. O jogo começa às 15 horas deste domingo, 7 de maio, e os portões do estádio Arthur Marinho serão abertos ao público a partir das 13 horas.

 

Três rádios de Campo Grande vão transmitir ao vivo a final do Estadual entre o Carijó e o time da Capital. Pela Difusora Pantanal 1240 kHz AM, o locutor Elson Pinheiro vai comandar a transmissão com ajuda de mais dois repórteres de campo. A Rádio Cultura AM 680 vai transmitir com Arthur Mário no comando e mais um repórter de campo. Já pela rádio web Esporte MS, a partida será transmitida pelo locutor Cláudio Severo.

 

Além das rádios da Capital, a rádio local Clube AM vai transmitir o jogo com Reginaldo Coutinho, e a partida será narrada também pela Rádio Fronteira AM, com locução de Jonas de Lima. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Eleições 2020: termina hoje prazo para pedir registro de candidatura
Pandemia amplia vulnerabilidades de surdos, diz secretária
Prefeitura encaminha imigrantes e pessoas em situação de rua ao mercado de trabalho
França abre investigação para apurar ataque com faca em Paris
Universidade oferece tratamento gratuito a pacientes com sequelas da covid-19
Reme ainda não tem prazo para retorno das aulas presenciais
Jovem de 22 anos perde controle de moto e morre na Salgado Filho
Bandidos não perdoam nem cavalos em Corumbá
Caminhoneiro de Dourados capota e morre na serra de Maracaju
AGU cobra na Justiça R$ 893 milhões de desmatadores da Amazônia