Menu
Busca domingo, 20 de setembro de 2020
(67) 99820-0742

Mil componentes do Clube dos Sem vão homenagear os Carnavais de Corumbá

06 fevereiro 2017 - 11h22

Fundado no dia 25 de janeiro de 1990, o bloco vice-campeão do Carnaval 2016, Grêmio Recreativo Esportivo Clube dos Sem, entrará na passarela do samba cantando as peculiaridades do Carnaval de Corumbá. Compassados pela bateria composta por três mestres e 150 ritmistas, mil componentes se dividirão entre as cores do pavilhão, azul, vermelho e branco para apresentar o bloco ao público.

 

Braguinha, autor do samba ‘Clube dos Sem enaltece os Carnavais de Corumbá’ credita sua inspiração para compor, aos antigos carnavais, “o Carnaval daqui é o terceiro melhor carnaval de rua do País e a cada ano vem ganhando mais visibilidade e gente, por isso, resolvi homenagear essa folia tão bonita", enfatiza.

 

Com oito títulos conquistados no carnaval corumbaense, o Bloco promete emocionar com a história do Carnaval corumbaense, “nós vamos entrar na avenida com garra, confiantes na conquista de mais um título. Quem gosta de carnaval vai se emocionar”, afirmou o presidente e fundador do bloco, Carlos Alberto Silva Oliveira conhecido como Bézinho.

 

Os ensaios acontecem de segunda a sexta-feira na Avenida General Rondon, esquina com a Sete de Setembro, a partir das 20h30. O Clube dos Sem será o último bloco a passar pela passarela do samba, no sábado de carnaval. (Assessoria de Comunicação PMC)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mulher de 52 anos é autuada após colocar fogo em lixo de terreno
Hamilton Mourão rebate críticas às queimadas
Vice-presidente do Flamengo defende volta da torcida aos estádios
Em diligência no Pantanal, senadores dizem que cenário é devastador
Xuxa avisa que vai deixar a Record no fim do ano: 'infelizmente'
Motorista da Uber furta calça jeans, confessa crime
Brasil tem 739 mortes pela covid-19 em 24 horas, diz Ministério da Saúde
Chuva não chega em Corumbá, mas na Bolívia tem até temporal e nevasca
Prefeito em MS ameaça dar tiro em bolsonaristas
Governo brasileiro confirma intenção de aderir à Covax