Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020
(67) 99820-0742

Corumbá abre a campanha do "Lenço Solidário" nesta sexta, na Oncologia

15 setembro 2016 - 16h32

Será aberta nesta sexta-feira, 16 de setembro, a Campanha do “Lenço Solidário” que, pelo segundo ano consecutivo, vai atender pacientes que realizam tratamento contra o câncer na Unacon (Unidade de Alta Complexidade em Oncologia), administrada pela Santa Casa de Corumbá.

O lançamento da campanha será às 15 horas, na própria Oncologia, localizada na Rua América, entre a 15 de Novembro e a Sete de Setembro, durante um chá de confraternização. O encerramento será no próximo mês e fará parte da programação do “Outubro Rosa”.

Este é o segundo ano consecutivo que Corumbá realiza a Campanha do “Lenço Solidário”. Lembra a luta e o trabalho desenvolvido pela artesã Rosa Mavignier que, em vida, realizou um trabalho de doação de lenços para aquelas pessoas que faziam tratamento de quimioterapia.

A campanha “Lenço Solidário” é mais uma ação na cidade como parte do “Outubro Rosa” e vão marcar o mês como um período de desafio em levar conscientização e informação sobre a detecção precoce o câncer de mama.

A campanha foi lançada em 2015 e na época, servidoras municipais entregaram lenços para Rosa Mavignier, que doou às pacientes que realizam tratamento na Oncologia.

O lançamento nesta sexta-feira contará com a presença da primeira dama de Corumbá, Maria Clara Scardini, e também da filha da artesã Rosa Mavignier, idealizadora da campanha “Lenço Solidário”, Andréa Mavignier Gattás Orro. 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa PMC

Deixe seu Comentário

Leia Também

Senador conquista R$ 38 milhões da União para MS
Áreas de biomas brasileiros caíram 8,34% entre 2000 e 2018
Ministra diz que "culpar homem do Pantanal" por incêndios é injustiça
Advogado preso tentando entrar com droga no presídio assina termo e volta para casa
Rapaz é morto ao tentar defender mãe de assalto em lanchonete
Homem é preso acusado de estuprar cunhada de 12 anos em aldeia
Comerciante tenta invadir delegacia e acaba morto em Glória de Dourados
INSS vai aumentar capacidade de atendimento da Central 135
Indústria da construção mostra sinais de recuperação, diz CNI
Desemprego subiu 27,6% em quatro meses de pandemia