Menu
Busca segunda, 30 de novembro de 2020
(67) 99820-0742

Cursos capacitam 40 artesãs para o mercado de trabalho

14 fevereiro 2017 - 13h40

Curso oferecido pela Secretaria Especial de Políticas Públicas, Sociais e Cidadania, está formando 40 artesãs que poderão atuar profissionalmente no mercado a partir de abril, quando as aulas terminarem. São dois polos, sendo um no Centro Comunitário do bairro Mutirão e outro no Santo Antônio.

“O nosso objetivo é formar profissionais para o mercado e agregar renda para as famílias do nosso município”, explicou a secretária Delari Ebeling. Segundo ela, o curso é de longa duração, para garantir que o aprendizado seja realmente aproveitado de forma a contribuir para a produção dessas famílias no futuro.

São 40 horas de aulas que começaram agora, em fevereiro, e devem terminar no mês de abril. A partir daí, serão formadas novas turmas, mas a intenção é realmente garantir um bom aproveitamento do aprendizado.

No encerramento, os alunos receberão um certificado que poderá abrir as portas para o mercado. A maior parte dos alunos é de mulheres donas de casa, mas jovens, inclusive homens, estão aprendendo o artesanato que vai poder gerar dinheiro extra.

“O primeiro trabalho desses futuros artesãos, será colares que serão distribuídos para as mulheres em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, que é no dia 8 de março”, adiantou Delari. O evento está marcado para 12 de março, um domingo, na Praça Gastão Brasil, onde fica a Maria Fumaça, perto do Santuário de Nossa Senhora dos Remédios.

A intenção, para dar um start para os novos artesãos, é já na primeira turma, criar souvenires da cidade de Ladário. Serão brindes que serão distribuídos como lembrança da cidade e que poderão ser vendidos no comércio local.

O trabalho que está sendo desenvolvido utiliza a técnica de “fuxico”. São artesanatos em tecido, utilizando pérolas, botões e vários tipos de material reciclável. Estão sendo feitos tapetes, colchas, colares, brincos e uma infinidade de outros produtos.    (Assessoria de Imprensa PML)

Deixe seu Comentário

Leia Também

R$ 4,79: MS tem gasolina mais cara do Brasil, segundo levantamento
Mãe abandona crianças de 2 e 6 anos sozinhas para usar drogas no Vida Nova
Mãe tirou foto da filha momentos antes de ela morrer eletrocutada por decoração
Idosa é morta a facadas e tem casa queimada; principal suspeito é marido, que está internado
Funcionários de terceirizada da Energisa entram em greve por tempo indeterminado
Pedreiro e adolescentes mataram vizinho no Nova Lima em briga por registro de água
Agepan inicia mais uma campanha de fiscalização da geração de energia elétrica
Farmacêutica dos EUA vai solicitar uso emergencial de vacina contra Covid-19 no país e na Europa
Três acertam seis dezenas e levam R$ 33 mil em sorteio da Nota MS Premiada
Bio-Manguinhos fornece novo remédio para doenças reumatológicas ao SUS