Menu
Busca terça, 17 de setembro de 2019
(67) 99820-0742
Set

Ladário começa a distribuir carnês do IPTU-2016; pagamento à vista garante 20% de desconto

14 junho 2016 - 17h00

O prefeito José Antonio Assad e Faria, assinou o decreto n° 3046/2016, que traz a prorrogação do pagamento da primeira parcela do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU/2016). A nova data será 15 de julho, com parcelamentos em até seis vezes. Já a distribuição dos carnês, acontece a partir desta segunda-feira, 13 de junho, quando os Fiscais de Tributos deverão percorrer de casa em casa, levando os carnês à população.

De acordo com o responsável pelo setor de Tributos, Éder Wilson, o lançamento será feito nesta data, proporcionando folga no orçamento do contribuinte. A atitude faz parte das regras da administração municipal.

Os pagamentos poderão ser efetuados da seguinte maneira: para os contribuintes que não possuem divida ativa com o município, com descontos de 05% sobre o valor do imposto e 20% para o contribuinte que efetivarem o pagamento a avista. O vencimento está previsto para o mês de julho.

Ainda conforme o decreto, qualquer solicitação de revisão do imposto, deverá ser requerida pelo contribuinte titular ou responsável (Portador de instrumento público) via protocolo até o dia do vencimento da primeira parcela, apresentando anexos documentos requeridos pelo Departamento de Tributos e Cadastro Imobiliário da Prefeitura de Ladário.

Já os imóveis edificados ou não, localizados em área que sofrem danos físicos devido à passagem de águas pluviais / minerais ou cedidos (Via Instrumento Público) ao município de Ladário, poderão admitir redução da valoração venal para incidência do IPTU-2016 a ser deferido mediante requerimento formal expresso do titular ou responsável pelo domino útil ou propriedade do imóvel até o dia 15 de julho. 

A estimativa para este ano, é distribuir  7,2 mil carnês, o que representa a arrecadação estimada em aproximadamente de R$ 2,5 milhões. Já no ano passado foram lançados 7.241 mil carnês e a previsão de arrecadação foi de R$ 2,5 milhões. Outros 139 imóveis foram classificados como isentos.

Os moradores que não receberem os carnês poderão se dirigir a Central de Atendimento ao Contribuinte na sede da Prefeitura, localizada na Rua Corumbá, n°500, Centro, e solicitar a impressão do boleto bancário.

Para mais informações, acesse:http://ladario.ms.gov.br/uploads/asset/file/2596/DECRETO_3.046-PRORROGA__O_PAGAMENTO_DO_IPTU.pdf

Isenção IPTU-2016

As pessoas com 60 anos ou mais, aposentadas ou pensionistas, que possuem apenas um imóvel e renda mensal não superior a dois salários mínimos, poderão requerer a isenção do IPTU-2016, até o dia 31 de agosto na CAC-Central de Atendimento ao Contribuinte, localizada na rua Corumbá, n° 500, Centro de Ladário. O horário de funcionamento é das 07h00 às 17h30.

Para requerer a este direito, as pessoas devem estar munidas de documentos pessoais, como RG, CPF, comprovante de residência, extrato de rendimento mensal atualizado ou número do benefício, escritura, título ou matricula atualizada do imóvel.

Além disso, a isenção do imposto também está destinada para famílias beneficiadas do Programa do governo federal, Bolsa Família. Nesta ocisão, é obrigatória a apresentação dos documentos solicitados pelo Departamento de Tributos e Cadastro Imobiliário- DTCI, bem como o número do benefício.  

 

Fonte: Assessoria de Imprensa- PML

Deixe seu Comentário

Set 2
TECNODENTAL

Leia Também

Bolsonaro tem alta e deixa hospital em São Paulo
WWF-Brasil lança concurso de fotografia para destacar as belezas naturais do Pantanal e da bacia do Alto Paraguai
Violência por dizer “não” ao ex-namorado fez Ana largar tudo e sair pelo mundo
Dica da semana: "O Homem que Viu o Infinito"
MS registrou 2.070 focos de calor em setembro, segundo dados do Inpe
Em 12 horas, queimadas destruíram 200 hectares em Bodoquena
Sem poder doar medula para Calebe, mãe quer alguém compatível para livrar seu filho da leucemia
Mato Grosso do Sul é o segundo no País com mais abates de bovinos
Homem leva mordida de cão, exige desculpas do vizinho e denuncia crime em MS: 'Coloca vinagre que é bom'
Marido quer que mulher aborte bebê só porque é uma menina