Menu
Busca quinta, 04 de junho de 2020
(67) 99820-0742
Set

Assembleia Legislativa prevê gasto de R$ 1,5 milhão em reforma de cobertura

08 novembro 2019 - 12h00Por Da Redação

A ALMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) deve gastar em breve cerca de R$ 1,5 milhão para reformar a cobertura de blocos, saguão, plenário e outros locais da Casa. O valor foi definido conforme a tabela Sinapi (Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil).

De acordo com o edital da licitação lançado pelo Legislativo, o certame acontecerá na modalidade pregão presencial, do tipo menor preço global, no próximo dia 18 de novembro, a partir das 9h30, no plenarinho da ALMS.

Além disso, o documento aponta que a empresa escolhida vai realizar a adaptação, reparação, remoção e instalação da cobertura dos blocos D, E, F, presidência, saguão e plenário. Também devem ser feitos os mesmos procedimentos nas claraboias do prédio.

Segundo a assessoria de imprensa da ALMS, o valor estimado é de R$ 1.563.210. Nisso, já estaria incluso todo material e mão de obra necessários para a execução dos
serviços de acordo
com as especificações e quantidades constantes em planilha.

Os interessados poderão obter o edital completo com as especificações e bases da licitação no setor
de licitações da Assembleia, de segunda a sexta, das
08h às 12h, e das 14h às 17h. Além disso, o mesmo documento pode ser solicitado pelo e-mail
[email protected]

Deixe seu Comentário

Leia Também

José de Abreu é desligado da Globo após 40 anos
Preso de 43 anos é suspeito do desaparecimento de Madeleine McCann em 2007
Caixa libera hoje saque da 2ª parcela dos R$ 600 para nascidos em maio
Falha no sistema teria atrasado pagamento para quem teve salário reduzido durante pandemia
Contrabandista é preso em hotel com celulares Xiaomi e vídeo games
Prefeitura de Corumbá recebe doação de EPIs do Lions Club Internacional
Alívio da dívida para países pobres pode se estender após final do ano
Menos de 25% das ocupações no Brasil têm potencial de teletrabalho
Sem pediatras, Maternidade Cândido Mariano deve fechar UTI neonatal nos próximos 30 dias
Vacina contra covid-19 desenvolvida em Oxford será testada no Brasil