Menu
Busca quinta, 23 de janeiro de 2020
(67) 99820-0742
Governo Dengue

No Dia do Marinheiro, prefeito destaca atuação da Marinha na região pantaneira

14 dezembro 2019 - 10h45Por Assessoria de Imprensa

Cerimônia militar de aproximadamente quarenta e cinco minutos, em frente ao Pórtico do 6º Distrito Naval de Ladário, comemorou nesta sexta-feira, 13 de dezembro, o “Dia do Marinheiro”. A data marca também, o nascimento do Patrono da Marinha do Brasil, Joaquim Marquês de Lisboa, o Marquês de Tamandaré.

O prefeito Marcelo Iunes acompanhou a solenidade. Ele afirmou que a Marinha é uma instituição extremamente importante para a região pantaneira. “Desde 1873 a Marinha está aqui na nossa região pantaneira. Está sempre presente nas ações e no cotidiano da nossa cidade e sociedade”, disse o chefe do Executivo Municipal ao lembrar as ações em apoio à população ribeirinha e a missão de proteção da fronteira Oeste do país.

Durante a solenidade foram lidas as mensagens, referentes ao “Dia do Marinheiro”, do Comandante da Marinha, Ilques Barbosa Junior, e do presidente da República, Jair Bolsonaro.

Na Ordem do Dia, o comandante da Marinha destacou a inspiração nos atos do Almirante Tamandaré para encarar os desafios futuros da organização militar. “Se no passado temos a inspiração do nosso Patrono, o presente apresenta uma nova realidade, em que devemos estar prontos para nos contrapor às complexas ameaças. Devemos observar, com preocupação, a instabilidade no cenário internacional, por vezes, com ingerência de terceiros em assuntos internos de estados soberanos, o processo de territorialização dos oceanos, o tráfico de drogas e armas, a pirataria, as questões indígenas e ambientais manipuladas, os desastres naturais que podem assolar nossa população, o acesso ilegal a conhecimentos na nossa Amazônia Azul e Verde e os crimes ambientais, de grande repercussão midiática”.

Em sua mensagem, o presidente da República enalteceu os feitos do Patrono da Marinha do Brasil e a atuação da força naval brasileira. “Os feitos de Tamandaré inspiram a Marinha do Brasil a enfrentar os desafios do presente e do futuro. A Força Naval garante nossa soberania nos 5.7 milhões de quilômetros quadrados da Amazônia Azul e nas águas interiores, protegendo as linhas de comunicação marítima, responsáveis por 95% do nosso comércio exterior, e, em conjunto com outros órgãos, combatendo a pesca predatória, o crime organizado, o crime ambiental, como o ocorrido nas águas do nordeste brasileiro, entre outras ameaças. Assume, também, a tarefa de levar saúde, assistência e esperança às comunidades ribeirinhas situadas nas regiões remotas do nosso território. Por fim cabe destacar, sua prontidão em situações emergenciais, como a participação no combate aos focos de incêndio em nossas florestas e o apoio à população na ocorrência de desastres, como o ocorrido em Brumadinho”.

Personalidades civis e militares foram condecoradas com a medalha do “Mérito Tamandaré”, pelo comandante do 6º Distrito Naval, vice-almirante Carlos Eduardo Horta Arentz. A solenidade terminou com desfile da tropa. 

Deixe seu Comentário

Set 2

Leia Também

Sopa de morcego pode ter disseminado coronavírus na China
Motorista perde controle de carro e destrói muro de chácara
Coronavírus: médicos transportam paciente em tubo plástico na China
Casal organiza festa e acaba preso por oferecer bebida a garota de 13 anos
Bolsonaro embarca nesta quinta para primeira viagem oficial à Índia
Avião que combatia incêndios na Austrália cai e mata 3
Bolsonaro afirma que Moro ficará na pasta da Justiça se o Ministério da Segurança for recriado
Polícia Militar detém indivíduos por associação criminosa em Corumbá e recupera carreta
Bloqueados R$ 45 milhões de "donos" do sistema que registra boletim policial
Polícia Militar detém indivíduo por furto a comércio de Corumbá e recupera objetos