Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 99820-0742
Set

Vigilância Sanitária já recebeu 1,1 mil denúncias contra estabelecimentos

25 março 2020 - 10h22Por Midiamax

Cinco dias depois do decreto municipal que determina que estabelecimentos comerciais permaneçam fechados em Campo Grande, alguns empresários ainda ‘teimam’ em abrir as portas. A Vigilância Sanitária já recebeu 1,1 mil denúncias contra estabelecimentos que descumpriram a quarentena. A fiscalização continua nos bairros nesta quarta-feira (25). 

Substituta do coordenador de Vigilância Sanitária de Campo Grande, Renata Rodrigues Sanches afirma que são 12 equipes na ruas e há previsão de fiscalizar de 80 a 100 estabelecimentos. Nesta quarta (25), o foco da fiscalização continua nos comércios localizados nos bairros de Campo Grande.

Segundo Sanches, no início das fiscalizações as denúncias estavam concentradas em mercados, mercearias e conveniências. Mas, agora, as denúncias são variadas. “Denúncias são de pequenos estabelecimentos que não poderiam estar abertos ao público, como boutiques, lojas de sapato, há grande demanda de mercearias e pequenos comércios de alimento que existem na periferia”, diz.

Deixe seu Comentário

Set 2

Leia Também

Latam reduz operações em 95% em abril em meio ao novo coronavírus
Com suspensão prorrogada, academias ficam entre manter saúde e "girar máquina"
Covid-19: Governo Federal zera estoque de equipamentos de proteção a profissionais de saúde
Jovem de 21 anos morre em hospital de Dourados com suspeita de coronavírus
Presidente das Filipinas manda “atirar para matar” quem desrespeitar isolamento
Covid-19: governo aprova medidas para área da assistência social
Com tornozeleira em falta, policial da Máfia do Cigarro fica sem monitoramento
Votorantim doa 500 máscaras para Secretaria Municipal de Saúde
Polícia Militar prende homem após assalto no bairro universitário em Corumbá
Polícia Civil descobre central de álcool em gel falsificado em SP