Menu
Busca quinta, 12 de dezembro de 2019
(67) 99820-0742
Set

STJ concede habeas corpus ao DJ Rennan da Penha

21 novembro 2019 - 16h45Por G1

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu habeas corpus ao DJ Rennan da Penha. A decisão liminar (provisória) do ministro Rogerio Schietti foi publicada no site do tribunal na manhã desta quinta-feira (21).

Segundo esclarecimento do STJ, a decisão de Schietti não determina a imediata soltura de Rennan da Penha, mas ordena que a Vara de Execuções Penais do Rio analise a situação do DJ conforme decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre prisões para condenados em 2ª instância.

No início do mês – por 6 votos a 5, os ministros do STF mudaram entendimento anterior sobre a possibilidade de prisão para condenados em 2ª instância, e decidiram que réus só poderão ser presos após o trânsito em julgado, isto é, depois de esgotados todos os recursos.

Por enquanto, a Vara de Execuções Penais do Rio ainda não apreciou o caso de Rennan. Por esse motivo, o advogado de defesa do DJ, Allan Caetano dos Santos, afirmou que o artista não deverá deixar a cadeia já nesta quinta-feira.

"A decisão deve ser publicada amanhã no Diário da Justiça. A gente está tentando agilizar para falar com o juiz da Vara de Execuções Penais, ainda hoje, para ele determinar o que for necessário", afirmou o advogado.

 

Condenação e prisão

 

O DJ foi preso em abril deste ano após ser condenado em segunda instância pela Justiça do Rio de Janeiro a seis anos e oito meses de prisão pelo crime de associação ao tráfico de drogas. Antes disso, Rennan da Penha chegou a ser absolvido em julgamento na primeira instância.

Na época, a Ordem dos Advogados do Brasil no Rio (OAB-RJ) questionou a prisão de Rennan e afirmou que a condenação seria uma tentativa de criminalizar o funk. A OAB também declarou preocupação com o uso do sistema da Justiça criminal contra setores marginalizados da sociedade.

Nas redes sociais, fãs do DJ foram contrários à decisão. Um ato chegou a ser organizado pedindo liberdade para Rennan.

Deixe seu Comentário

Set 2

Leia Também

Pai dá carro para filho de 15 anos ir ao mercado e acaba preso
Auxiliar de cozinha pede ajuda para encontrar filha desaparecida há dois dias no Noroeste
Procon faz ‘batida’ para garantir passagens de ônibus de graça para idosos
Escorpiões invadem casas e Sesau registra mais de 4 casos por dia
Planalto: Bolsonaro retirou lesões causadas por exposição ao sol
Bolsonaro amplia saque do FGTS para R$ 998 e quem já tirou R$ 500 pode receber a diferença
Mergulhada em crise, prefeita quer aumentar em 55,27% o próprio salário
Caminhada na área central encerra ações da semana da primeira infância em Corumbá
Ciranda da morte na fronteira tem alta de 85% em 2019 e crimes entrelaçados
Homem que atacou criança na rua foi interditado judicialmente há 7 anos