Menu
Busca terça, 11 de agosto de 2020
(67) 99820-0742
Set

Sobre pandemia, Bolsonaro afirma que o pânico foi disseminado

12 julho 2020 - 12h00Por Midia Max

Neste domingo (12), o presidente  (sem partido) começou os posts nas redes sociais listando ‘verdades’ sobre a . Em consideração pessoal, o presidente afirmou que a desinformação foi utilizada como arma e que o pânico foi disseminado.

“A desinformação foi uma arma largamente utilizada. O pânico foi disseminado fazendo as pessoas acreditarem que só tinham um grave problema para enfrentar”, escreveu. De acordo com o presidente, é preciso retomar o ritmo.

Ele justifica que existem “milhões de empregos destruídos, dezenas de milhões de informais sem renda e um país na beira da recessão”. Bolsonaro citou ações do Governo, como os repasses aos municípios e o auxílio emergencial como pontos positivos da gestão durante a  do coronavírus.

Nas últimas 24 horas, foram registradas 1.071 mortes em decorrência da  do coronavírus, segundo atualização diária divulgada pelo Ministério da Saúde neste sábado (11). O número total de óbitos está em 71.469.

Assim, de acordo com a atualização do ministério, 667.508 pessoas estão em acompanhamento e 1.100.873 se recuperaram. Entretanto, outras 3.974 mortes ainda estão em investigação. 

Segundo o Painel , foram registrados 39.023 casos nas últimas 24 horas. Por fim, o número de casos confirmados no Brasil desde o início da  chegou a 1.839.850.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio de R$ 11 milhões
Produção industrial cresce em 14 locais em junho, diz IBGE
INSS amplia serviço alternativo para receber documentação de segurados
Ipea: consumo aparente de bens industriais cresce 5,2% em junho
Proibido consumo de bebidas em bares e locais públicos de Campo Grande
Safra deste ano deve ser 3,8% superior à de 2019, prevê IBGE
Rio testará marcação de lugar na praia por aplicativo
CBF anuncia novas datas de confrontos da 3ª fase da Copa do Brasil
Internacional Covid-19: Nova Zelândia põe maior cidade em lockdown após 102 dias
Senai já entregou mais de 2 mil respiradores recuperados a hospitais