Menu
Busca terça, 27 de outubro de 2020
(67) 99820-0742

Homem que atropelou e matou irmãos será julgado nesta terça-feira

16 outubro 2020 - 10h08Por Top Midia News

Na próxima terça-feira (20), José Humberto Dantas Júnior, de 26 anos, que atropelou e matou dois irmãos, será julgado em Nova Andradina.  O fato ocorreu no mês de dezembro de 2019, em Nova Casa Verde.

No dia 28 de dezembro de 2019, autor atropelou as vítimas quando fugia de uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF), por transportar droga no carro que conduzia.

A tragédia aconteceu no trevo da BR-267 com a MS-134. Igor Silva, de 10 anos e Helloá Glésia, de 19 anos, morreram na hora.

Na ocasião, o autor foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina, sendo colocado à disposição do Poder Judiciário.

Atualmente ele se encontra recolhido na Penitenciária “Jair Ferreira de Carvalho”, em Campo Grande.

José Humberto Dantas Júnior é acusado pelos crimes de tráfico de drogas, por transportar substância ilícita; receptação, uma vez que o carro conduzido por ele era produto de furto ou roubo; duplo homicídio, pela morte dos dois irmãos, e tentativa de homicídio pelos graves ferimentos causado na mãe das vítimas mortas.

Segundo site Nova News, devido à pandemia de covid-19, a participação do réu deverá ocorrer por videoconferência, os jurados sorteados deverão ser comunicados para que apenas eles compareçam ao Tribunal do Júri.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mulher é esfaqueada pelo marido e morre
Marquinhos Trad tem quase 40% à frente do 2º colocado, aponta pesquisa
Marroquino tenta matar esposa com faca durante encontro com amigo no Carandá Bosque
Homem surta durante abordagem e tenta 'socar' policiais em conveniência
'Fujão' abandona quatro capivaras mortas no Aero Rancho
Motorista perde controle de carro em curva, capota e morre em rodovia
Idoso estava saudável e morte precoce surpreendeu família
PM prende homem que estava atirando para comemorar aniversário no Vespasiano Martins
Vacina da Oxford tem fortes respostas imunes em voluntários idosos
Em protesto, família de PM morto pede expulsão de advogado da OAB-MS