Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 99820-0742
Corona

Grupo dos 20 países mais ricos diz que vai injetar US$ 5 trilhões na economia para superar efeitos coronavírus

26 março 2020 - 15h30Por G1

Líderes das maiores economias do mundo se encontram de forma virtual nesta quinta-feira (26) para coordenar as respostas ao crescimento das incidências de Covid-19. 

 

Eles afirmaram, em uma declaração, que farão o que for preciso para superar a pandemia do Covid-19 e garantir empregos, empregos e renda e para buscar os recursos para isso. 

 

Eles disseram que, em conjunto, deve haver uma injeção de US$ 5 trilhões (cerca de R$ 25 trilhões) na economia global. No documento em conjunto, escreveram o seguinte: 

 

"Estamos adotando medidas imediatas e vigorosas para apoiar nossas economias, proteger trabalhadores e negócios- especialmente as micro, pequenas e médias empresas– e proteger os vulneráveis por meio de proteção social. Estamos injetando mais de US$ 5 trilhões na economia global, como parte de política fiscal direcionada, medidas econômicas e esquemas de garantia para combater impactos sociais, econômicos e financeiros da pandemia."

 

A resposta à pandemia precisa ser transparente, robusta, de grande escala e coordenada, segundo a declaração. 

Eles se propuseram a compartilhar dados epidemiológicos e de saúde, reforçar os sistemas públicos de saúde e aumentar a capacidade de produção de materiais médicos. No documento, há uma lista das prioridades 

 

  • Proteger vidas
  • Garantir os empregos e as rendas das pessoas
  • Restaurar a confiança, preservar a estabilidade financeira, reavivar o crescimento
  • Minimizar os rompimentos no comércio 
  • Dar ajuda aos países que precisam de assistência
  • Coordenar medidas de saúde pública e financeiras

 

Também disseram que vão aumentar o financiamento para pesquisa que encontre uma vacina e fortaleça a cooperação científica internacional. Eles pediram à Organização Mundial da Saúde (OMS) para fazer uma avaliação das lacunas na preparação para pandemias nos próximos meses. 

 

Deixe seu Comentário

Set 2

Leia Também

Homem é socorrido com traumatismo craniano após ser espancado no Aero Rancho
Latam reduz operações em 95% em abril em meio ao novo coronavírus
Com suspensão prorrogada, academias ficam entre manter saúde e "girar máquina"
Covid-19: Governo Federal zera estoque de equipamentos de proteção a profissionais de saúde
Jovem de 21 anos morre em hospital de Dourados com suspeita de coronavírus
Presidente das Filipinas manda “atirar para matar” quem desrespeitar isolamento
Covid-19: governo aprova medidas para área da assistência social
Com tornozeleira em falta, policial da Máfia do Cigarro fica sem monitoramento
Votorantim doa 500 máscaras para Secretaria Municipal de Saúde
Polícia Militar prende homem após assalto no bairro universitário em Corumbá