Menu
Busca sexta, 07 de agosto de 2020
(67) 99820-0742
Set

Após testes, Rússia diz que aplicará vacina contra covid-19 em outubro

02 agosto 2020 - 11h30Por Top Midia News

Os ensaios clínicos da vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa Epidemiológica e Microbiológica da Rússia (Gamalei) foram concluídos, e já foi iniciada a etapa de registro, segundo informações divulgadas neste sábado (1º) pelo ministro da Saúde do país, Mikhail Murashko.

"A vacina contra o novo coronavírus desenvolvida pelo centro Gamalei concluiu os ensaios clínicos e agora os documentos para o seu registro estão sendo preparados", declarou Murashko, citado pela agência de notícias local TASS.

Segundo o ministro, médicos e professores serão os primeiros a receberem a vacina, e espera-se que ela seja distribuída para diversas regiões da Rússia a partir do próximo dia 10.

"Estamos planejando que a campanha de vacinação mais extensa, que será gradualmente acrescentada ao novo sistema de cuidados, começará em outubro", afirmou.

Murashko acrescentou que a segunda vacina russa, desenvolvida pelo centro Vector, está atualmente em processo de ensaios clínicos. Segundo ele, o Ministério da Saúde acredita que receberá em um mês e meio ou dois meses mais dois pedidos de permissão para realizar ensaios clínicos de novas vacinas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bairro Universitário e Maria Leite recebem mutirão da dengue
Ladário inicia Operação Covid-19 com três barreiras sanitárias
Suspeito faz gambiarra para esconder pistola debaixo de banco e despistar polícia
Musa da Bala que vendia drogas pela internet com entrega em casa é presa
Moradores encontram corpo de rapaz executado com vários tiros em Paranhos
Duas pessoas morrem em acidente de trânsito na Lúdio Martins Coelho
Avião se parte ao meio durante aterrissagem na Índia
Pandemia fez com que pai acompanhasse nascimento do filho por videochamada
TJMS mantém condenação a casal por falsidade ideológica em licitação
Funcionários protestam contra demissões e terceirização na Energisa em Mato Grosso do Sul