Menu
Busca sexta, 10 de julho de 2020
(67) 99820-0742
Set

Prefeitura implanta quatro poços artesianos e reforça agricultura familiar

01 junho 2016 - 21h35

O trabalho de fortalecimento e valorização da agricultura familiar em Corumbá segue em ritmo acelerado. Só nesse mês, a Prefeitura concluiu a instalação completa de quatro poços artesianos nos assentamentos da região. Os equipamentos, todos adquiridos com recursos próprios do Município, foram alojados no Paiolzinho, Taquaral e no São Gabriel.

 

“Nenhum desses assentamentos é emancipado pelo Incra. Isso significa que a obrigação de dar suporte a essas famílias é do Governo Federal, mas todos sabemos que isso não ocorre na prática. Por isso o prefeito Paulo Duarte investe em toda zona rural da cidade e dá melhores condições para esses pequenos produtores”, afirmou o secretário municipal de Produção Rural, Pedro Lacerda.

 

“Todo o material utilizado nesses locais é completo, com bombas automatizadas, quadros de energia modernos, inclusive mais econômicos, e com canos indutores inoxidáveis”, detalhou Lacerda. De 2013 até hoje, segundo o secretário, já foram instaladas 12 bombas nos assentamentos da cidade e mais de mil metros de novas tubulações.

 

Só no São Gabriel, a capacidade de vazão de água mais que dobrou nos últimos 3 anos. “Em 2013 os produtores do local tiravam uma média de 48 a 50 metros cúbicos por hora. No final daquele mesmo ano a Prefeitura elevou essa quantidade 78 mil metros cúbicos. Agora, com as duas novas bombas instaladas lá, passamos para uma média de 110 a 115 mil litros”, completou o secretário de Produção Rural.

 

As duas bombas instaladas no São Gabriel vão atender a parte baixa e a parte alta do assentamento. A que foi colocada no Paiolzinho tem capacidade para abastecer as duas grandes caixas existentes na região, enquanto a do Taquaral, instalada em um poço novo, produz até 20 mil litros de água por hora.

 

“Além de trabalhar para resolver esse problema da água, também temos em pleno funcionamento o PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) onde compramos grande parte da produção desses assentamentos, distribuímos entre várias entidades e fazemos a manutenção constante de todas as estradas vicinais. De 2013 até agora já recuperamos mais 500 quilômetros de estradas, uma ação constante em toda a zona rural”, prosseguiu Pedro Lacerda.

 

“Estamos agora recuperando, com maquinário próprio da Secretaria de Produção Rural, o acesso da BR-262 até a região de Forte de Coimbra. É uma estrada feita há muitos anos e que nunca tinha recebido nenhuma ação do Poder Público. Fizemos uma parceria com os produtores da região e estamos arrumando um trecho de quase 15 quilômetros danificados pela cheia da rio”, continuou.

 

“Parcerias como essa mostram a credibilidade que a Prefeitura de Corumbá tem hoje. São os próprios produtores da região que estão arcando com a alimentação dos funcionários, o combustível e a manutenção das máquinas”, concluiu o secretário municipal de Produção Rural.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com gasolina mais cara, inflação volta a subir em Campo Grande
MS passa dos 12 mil casos de coronavírus e registra 146 mortes pela doença
Avó de esposa de Bolsonaro continua internada com coronavírus
MPMS vai investigar denúncias de irregularidades em ‘curso de bombeiro mirim’ em Campo Grande
Proibida de participar de licitação, empresa ganha pregão de R$ 60 milhões com a Sefaz-MS
Presidente da Bolívia testa positivo para covid-19
Duas jovens paulistas são presas em MS com malas recheadas de maconha
OMS manda especialista para investigar origem da Covid-19 na China
Frio começa a ir embora no fim de semana em Mato Grosso do Sul
Exame particular da covid-19 pode custar entre R$ 160 e R$ 300 na Capital